NOSSAS REDES

CAPA

Após chuvas, igarapé transborda e enxurrada atinge 100 casas de bairro em Rio Branco

Redação do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Bombeiros fizeram vistoria em bairro neste domingo (13) para verificar situação das casas e alertar famílias do bairro Hélio Melo.

Cheia súbita de igarapé causou uma enxurrada e atingiu diretamente ao menos 100 casas e 500 pessoas — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros do Acre

Os moradores do bairro Hélio Melo, em Rio Branco, viveram momentos de tensão após o Igarapé Batista transbordar devido à forte chuva registrada na capital acreana no sábado (12). Conforme o Corpo de Bombeiros a cheia súbita do manancial causou uma enxurrada e atingiu diretamente ao menos 100 casas e 500 pessoas.

Várias ruas do bairro foram tomadas pelas águas incluindo as ruas Milton Campos, Santa Rosa, Padre Cícero, Botafogo e Feijó.

O coordenador da Defesa Civil de Rio Branco, coronel George Santos, relatou que teve uma quantidade muito grande de chuva nas últimas 24 horas na capital, o que acabou causando a elevação dos igarapés Batista e São Francisco e por isso houve o transbordamento.

“O Igarapé Batista já estava com uma elevação mais rápida desde a chuva registrada na última quarta (9) quando choveu 89 milímetros. A enxurrada é um processo rápido, pois sobe muito rápido, mas a água desce horas depois, diferente de uma cheia do Rio Acre, pois o igarapé é um curso de menor porte”, explicou.

O coronel falou ainda que há uma ocupação de várias casas às margens do igarapé o que acaba deixando as famílias vulneráveis a esse tipo de ocorrência. As famílias atingidas saíram para casas de parentes.

“Infelizmente as famílias ficam com um risco maior quando ocorrem esses eventos extremos de chuvas, pois a água invade as casas muito mais rapidamente. Como muitas famílias já convivem com esse processo algumas acabam elevando os utensílios domésticos e saem de casa para ficar com parentes”, relata.

Neste domingo (13) uma equipe do Corpo de Bombeiros esteve no local para fazer uma vistoria nas residências. O major Cláudio Falcão disse que dos 15 municípios que são monitorados in loco foram registradas chuvas em 12.

“Não monitoramos in loco alguns municípios do interior e fazemos a leitura dos dados por satélite. Assim, com os dados de satélite, podemos concluir que choveu em 18 cidades acreanas, ao todo”, afirma.

G1/Acre

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

Políticos adotam atitudes eleitoreiras durante a Covid-19 e matam a economia

Bakunin Acriano, o Eremita, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Eremita

Eis que saio de minha caverna e descubro que a população precisa seguir meu exemplo e realizar um longo isolamento. O motivo é a pandemia por coronavírus, diferente dos meus motivos que incluem a falta de paciência com político incompetente contando lorota.

Incompetência I

Falando em política incompetente, a prefeita Socorro Neri deu um tiro no próprio pé ao ter decretado rodízio. Críticas silenciosas choveram e a população que realmente move a economia de Rio Branco odiou. Agora, os eleitores precisam lembrar desse abuso de autoridade durante o pleito.

Incompetência II

Por falar em rodízio, você, meu único leitor, notou que houve uma explosão de casos notificados pela Covid-19 durante essa limitação determinada por numeração das placas dos veículos? Será que os casos aumentaram graças as aglomerações em terminais e coletivos?

“Pra-lamentar” I

Vereadores criticaram o presidente da Fecomércio, Leandro Domingos, por cobrar das “excelências” mais atitudes. Os caras engravatados ficaram de mimimi, mostrando que eles são amadores e incompetentes. Eles, durante esta crise, não fizeram nada mesmo, nem reduziram os próprios gastos e nem cortaram os próprios salários para ajudar na contenção de despesas. Isso é “pra-lamentar”.

“Pra-lamentar” II

O desaforo também vai para os deputados que também não apitam nada. Apenas jogam para o público ideias mirabolantes, principalmente o comunista Edvaldo Magalhães, que na farra defendeu a suspensão do pagamento de empréstimos consignados por servidores. É preciso lembrar que o servidor não teve suspensão e não teve a redução dos salários. O resultado é que ele empurrou uma bomba para o povo, porque a legislação permite que os bancos cobrem juros e multas pela falta do pagamento. É muita atitude eleitoreira e incompetente.

Governador “Magrim”

Nosso governador Gladson Cameli, “o magrim”, está precisando de um bom caldo de feijão, está abatido, mas continua com atitudes eleitoreiras. Ele precisa lembrar que a eleição será realizada apenas em 2022. Assim não pode, magrim.

Reabertura

Essa reabertura dos comércios é necessária e urgente. Pena que falta articulação por parte do governo em garantir a retomada da economia. É sabido que para a retomada da economia é preciso ter vagas nos hospitais, mas a promessa de um hospital de campanha vem desde fevereiro.

Estou voltando a datilografar. Aguarde novos textos e notas semanais para apimentar nossa comuna.

Conheça Bakunin Acreano.

E-mail: bakunin.acreano@protonmail.ch

Continue lendo

ACRE

A TECNOLOGIA A FAVOR DA INFORMAÇÃO

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Na ultima segunda-feira 12, o Ex-Conselheiro Tutelar Francinelson reuniu através das suas redes sociais mais 10 profissionais de diversos seguimentos como: Legislativo, Educação, rede de proteção à criança e adolescente, Saúde da família e ministério Público para falar sobre o combate ao abuso e a exploração Sexual de Crianças e adolescentes. Um dos principais motivos do movimento é que na data 18 de maio se faz referencia a CAMPANHA FAÇA BONITO, nome dado a mais de 20 anos para este enfrentamento. Tendo em vista que todos os anos essa campanha é feita através de palestras, distribuição de folders, camisetas e principalmente com passeatas nas ruas do Brasil, e esse ano especificamente, por conta da pandemia não se pôde fazer nenhum tipo de aglomeração, a alternativa foi a Live nas redes sociais.

 

O assunto rendeu tanto, que neste sábado 23, a partir das 18hrs, Francinelson estará de novo numa Live através do seu Instagram, desta vez conversando com profissionais da saúde, entre eles; a Dra Anarahat (Médica), Brenda Lorrayne (Cirugiã-Dentista), Regina Mendonça (Enfermeira) e Janaira Guimarães (Cirugiã-Dentista). Os mesmos estarão falando sobre: o motivo pelo qual os consultórios de odontologia estão limitados a alguns procedimentos; Grupos de risco em tempo de pandemia causada pelo novo corona vírus; O que fazer para se proteger; Funcionamento da saúde básica de Feijó e suas prioridades; entre outros.
Para participar basta acompanhar através do @francinellson_moraes no referido horário, sendo ainda que você pode comentar e tirar suas duvidas deixando um recado na caixa de perguntas.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

Grupos de notícias