NOSSAS REDES

CRIME

No Acre, colono paga dívida de drogas do filho cedendo a própria colônia aos traficantes

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Uma dívida por aquisição e uso de droga por parte de um filho levou um colono de Manuel Urbano, município situado no Vale do Purus e distante 170 quilômetros da Capital Rio Branco, a quitar o débito com traficantes cedendo-lhe o único imóvel que possuía, uma colônia de 50 hectares, mediante ameaças de morte.  Esta semana a Justiça resolveu agir e os acusados Osanã Teixeira de Souza e Marcos Fronteira foram presos preventivamente por ameaças, fraude, extorsão e estelionato, assim como também tiveram suas contas bancárias bloqueadas.

justiça determina a prisão e o bloqueio das contas bancárias dos acusados/Foto: reprodução

A denúncia foi oferecida à Justiça pelo Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), através do promotor de justiça substituto Aurê Ribeiro Neto. A juíza Ana Paula Sabóia decretou a prisão preventiva dos acusados e determinou o bloqueio de contas bancárias dos acusados ao constatar que era fraude o contrato de compra e venda do imóvel feito entre a vítima e os traficantes.
De acordo com a denúncia, o colono Francisco Nogueira de Aguiar vinha sendo jurado de morte por Marcos Fronteira em razão de dívida contraída no tráfico de drogas, por seu filho, cujo nome não foi revelado. A polícia obteve informações de que no cartório do tabelionato do município, o colono foi obrigado a assinar contrato de compra e venda do imóvel pelo valor de R$ 10 mil, importância que nunca recebeu, bem como transferir a titularidade da área, sob argumento que estava pagando a dívida do filho com o traficante. Sem a terra, ele, a esposa e mais três filhos precisaram pedir abrigo na casa da mãe.

ACRE

No Acre, membro do Comando Vermelho “possuído” esquarteja namorada na frente de 7 criança

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Mais um crime bárbaro foi registrado no interior do Acre. A jovem Graciane Prado da Silva, de 24 anos, foi morta a golpes de terçado na cabeça e esquartejada pelo namorado na noite deste sábado (14) em frente da sua mãe e irmãos. O crime aconteceu no Km 36 da Estrada de Porto Acre, no km 6 do Ramal Linha 2.
De acordo com o Boletim de Ocorrência, o autor do crime foi identificado como Edison Abreu dos Santos, de 44 anos, namorado da vítima há um mês. O autor estava morando e trabalhando como caseiro na fazenda onde ocorreu o crime e assim que conseguiu o referido trabalho tratou de levar a vítima e seus familiares para morarem juntos no mesmo local.

Na noite deste sábado, por volta das 21h Abreu resolveu fazer um churrasco para a sua namorada e família, e após uma discussão por ciúmes, o criminoso tomou posse de um terçado tipo “128” e desferiu um golpe certeiro na cabeça, na parte frontal de Graciane que caiu no chão.
Diante de sete crianças que estavam com a mãe da vítima na área da casa contemplando o crime, Edison começou a amolar o terçado e falar que era matador do “CV” e que era de costume matar as pessoas e esquartejá-las ainda “vivas” e assim com toda frieza foi cortando aos poucos a vítima diante da família.
A irmã da vitima tentou impedir a consumação do crime, mas levou dois cortes desferidos pelo autor e logo tratou de se evadir do local. A mãe se jogou por cima do corpo de sua filha na tentativa de evitar o prosseguimento do fato, mas foi ferida também nas mãos. O criminoso ameaçou a mãe da vítima, dizendo que se afastasse do local, pois ia consumar o crime e tocar fogo na casa.
A mãe de Graciane temendo pela vida das crianças saiu correndo pelo campo até chegarem a beira da estrada e caminharam mais 5km e se esconderam em uma casa abandonada e lá ficaram escondidas por horas até criarem coragem de ligar para a Polícia.

Por volta das 00h, a Polícia foi acionada e ao chegar no local, encontraram Graciane morta. A mãe e as crianças foram encaminhadas ao Pronto-Socorro de Rio Branco.
A área foi isolada pelos Policiais Militares do município até a chegada dos peritos em criminalística. Várias rondas foram feitas nas região em busca prender o criminoso, mas ele não foi encontrado. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavérico. O caso será investigado pela Polícia Civil do município

Continue lendo

ACRE

Com tiro na nuca, ex-presidiário é encontrado boiando no Rio Acre

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O ex-presidiário Raimundo da Costa Silva, 35 anos, foi encontrado morto com um tiro na nuca na manhã deste domingo (15) às margens do Rio Acre, na Rua Uiarapuru, beco Beira Rio,no bairro Cidade Nova, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, o corpo foi encontrado boiando às margens do Rio por um homem que passava num barco pelo local.

Segundo informações da mãe, Raimundo é dependente químico e já havia sido preso pelo crime de tráfico de drogas e por volta das 5h ele saiu de casa no bairro Taquari.A mãe informou ainda, que lutou para que Raimundo ficasse numa clínica para dependentes químicos para se desintoxicar, mas ele sempre saía.

A Polícia Militar foi acionada e isolou a área para os trabalhos dos peritos em criminalística. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavérico.

O caso segue sob investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias