NOSSAS REDES

ACRE

Após 5 anos, adolescente com deficiência intelectual tem cartão de transporte suspenso

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A dona de casa Elaine de Sousa não sabe mais o que fazer para ajudar o filho de 15 anos que sofre deficiência intelectual. É que o adolescente teve o cartão de vale transporte suspenso e não tem como ir até as consultas médicas e a escola.

Em conversa com o Jornal do Acre 1ª edição, a mãe contou que o filho tem dificuldades na linguagem e em outras orientações e, por conta disso, recebia gratuidade no transporte coletivo.

A reportagem tentou contato com a direção da Superintendência de Transportes e Trânsito de Rio Branco (RBTrans), mas não obteve resposta até a publicação desta reportagem.

Mãe denuncia que após 5 anos RBTrans nega cartão de gratuidade a filho com deficiência

Ainda segundo Elaine, o benefício facilitava na hora de o adolescente ir para a escola e para as consultas médicas. Mas, após o vencimento da carteira de gratuidade, ela afirma que a RBTrans negou a renovação do benefício.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat