NOSSAS REDES

ACRE

Família faz buscas por estudante e teme que ela esteja refém de facção criminosa no Acre

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A família da estudante e auxiliar de limpeza Erilandia Sussuarana, de 22 anos, em Rio Branco, faz buscas para saber onde ela está, já que não é vista desde a última quinta-feira (28).

A família suspeita que ela esteja refém de uma organização criminosa e sendo obrigada a ligar para os familiares.

A irmã dela, Edivânia Sussuarana conta que estudante tem feito telefonemas estranhos e até ameaçando para que a família retire as postagens de busca das redes sociais. Na primeira ligação, Erilandia disse à irmã que estava em Cruzeiro do Sul, porém, a família acredita que a jovem esteja em Rio Branco, onde estuda e trabalha como auxiliar de limpeza no Ministério do Trabalho.

“Ela só começou a ligar e dar notícia depois das postagens. Uma mulher ligou de um número privado dizendo pra retirar, porque ela estava bem, mas ela não está bem. No mesmo dia, depois de meia hora, a minha irmã me ligou com uma voz bem estranha, dizendo para eu retirar as postagens. Fica dizendo que está em Cruzeiro do Sul, mas não fala nada”, conta a irmã.

Antes de desaparecer, Erilandia chegou a dizer aos amigos que iria para o interior do Acre e voltaria logo após o feriado de Páscoa. A irmã da estudante diz ainda que ela não tem envolvimento com facções criminosas, mas acredita que ela está sendo persuadida por criminosos. O ex-marido da jovem também teria envolvimento com uma facção que atua no estado.

“A gente está com medo dela estar sendo mantida presa, porque ligou após as postagens e até chegou a me ameaçar para que eu parasse de procurar. Ela não é assim, então fiquei bastante assustada.

Com medo, a família disse que ainda não registrou um boletim de ocorrência, mas acredita que a jovem esteja sendo mantida em cativeiro. “Nas ligações, ela parece desnorteada. Vou continuar as postagens até que ela apareça” finaliza.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat