NOSSAS REDES

ACRE

Mulher de 35 anos tira a vida dentro de delegacia em Brasiléia

O Alto Acre, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Uma mulher identificada pelas iniciais J.S.S., de 35 anos, tirou sua vida dentro de uma das celas da delegacia do município de Brasiléia, entre as 6 e 7 horas da manhã deste domingo, dia 12, horas pós ser detida por uma guarnição da Polícia Militar do 5º Batalhão do Alto Acre.

Segundo foi apurado, J.S.S. teria sido detida após ter invadido uma casa no Bairro Alberto por volta das 3h00 da madrugada deste domingo, e agredido uma pessoa com uma cadeira na cabeça. A mesma aparentava desiquilíbrio pessoal pelo uso de bebida alcoólica e já apresentava hematomas de outra situação anterior nas redondezas.

Quando a guarnição chegou no local, a mulher passou a desferir palavrões e tentou agredir fisicamente os policiais, sendo necessário sua imobilização e em seguida ser conduzida para a delegacia para os procedimentos cabíveis ao fato.

J.S.S. foi colocada sozinha em uma das celas da delegacia, até se acalmar e ser liberada com a chegada do companheiro com o raiar do sol. Foi quando outras pessoas que também estavam detidos em outras celas, ouviram som de roupa rasgando e logo depois, um barulho seguido de um estalo.

Foi quando perceberam que a mulher estava dependurada pelo pescoço nas grades da cela e não se movia. Ao chamarem os agentes de plantão, perceberam que a mesma já se encontrava sem vida.

Coincidentemente, o companheiro da mulher teria chegado momento depois, onde foi comunicado do fato trágico. O corpo da mulher foi resgatado após a chegada do delegado plantonista Luís Tonini, que está à frente do caso, liberou o corpo ao IML na Capital, para depois ser entregue aos familiares.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat