NOSSAS REDES

ACRE

No AC, apreensão de mais de 27 kg de oxidado de cocaína é a maior dos últimos 10 anos

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

 

Israel de Bastos Modesto, de 41 anos, e Euclides Alves de Oliveira, de 29, foram presos na tarde desta quinta-feira (29), no ramal da Judia, Belo Jardim l, em Rio Branco. Com eles, foram apreendidos 27,5 quilos de oxidado de cocaína.

Além disso, ainda foram apreendidos a quantia de R$ 4 mil em dinheiro, um revólver calibre 38, e 16 munições de uma 9 milímetros.

O delegado da Delegacia de Repressão ao Entorpecente (DRE), Pedro Resende, disse que a ação fez parte de uma ação integrada, com a denúncia anônima, trabalho do Judiciário e Ministério Público que expediram mandado de prisão e, em menos de 24 horas, a polícia prendeu os suspeitos.

“Foi uma ação de investigação da DRE. Nós recebemos denúncia de um popular e passamos a investigar e localizamos a casa e o alvo. O Israel que é o proprietário, foi representado pela busca e apreensão e ontem [quinta,28] à tarde fizemos a maior apreensão desse tipo de droga nos últimos dez anos”, informou Rezende.

O delegado disse que a suspeita é de que a droga tenha saído da Bolívia, já que Oliveira é morador de Plácido de Castro e o entorpecente seria distribuído para outros estados.

Ainda conforme a polícia, Modesto tem passagem pela polícia também por tráfico de drogas e seria um forte distribuidor na região do Belo Jardim. Já Oliveira, segundo o delegado, é investigado em Brasileia. Ele é suspeito de matar a esposa.

“A gente segue agora com as investigações, ouvindo as pessoas que trabalhavam para o Israel, que é um forte distribuidor”, informou o delegado

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat