NOSSAS REDES

Tecnologia

Para a chegada do 5G, TIM vai virtualizar 37 datacenters até 2021

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A TIM segue com seu cronograma e vai virtualizar, até o final do ano que vem, 37 datacenters espalhados por todo o Brasil. A virtualização vai permitir ampliar a capacidade dos servidores, melhorando a qualidade dos serviços, como acesso à internet e consumo de vídeo, representando um passo importante na jornada de digitalização e nuvem da operadora, que trabalha com foco na criação de serviços avançados para seus clientes.

“A virtualização é importante para melhorar a experiência do usuário em nossa rede, que ganhará ainda mais velocidade e estabilidade para o uso de dados. Graças a essa iniciativa de virtualização do Core, a TIM foi pioneira em iniciar um projeto-piloto do 5G sobre a rede real”, diz Leonardo Capdeville, ,CTIO da TIM Brasil.

A TIM anunciou, no final de junho, demonstrações bem-sucedidas do seu primeiro projeto-piloto do 5G sobre uma rede real, operando na frequência de 3,5 GHZ, em Florianópolis, Santa Catarina. Em parceria com a Fundação CERTI e a Huawei, a empresa habilitou a rede para experimentar aplicações voltadas para cidades inteligentes ou de gestão inteligente de serviços públicos.

A operadora, que quer ser líder e pioneira no 5G, terá ainda outros dois projetos-pilotos para a rede de quinta geração: na cidade de Santa Rita do Sapucaí (MG), em parceria com a Ericsson e com o Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), há a previsão de implantação de soluções inteligentes para iluminação, segurança e rastreamento de veículos, dentro do contexto de Internet das Coisas. Já em Campina Grande (PB), junto com o Núcleo Virtus (Núcleo de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação em Tecnologia da Informação, Comunicação e Automação) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e a Nokia, vai ser possível desenvolver soluções para Cidades Inteligentes, utilizando a plataforma NB-IoT. (Amanda Salviano – TIM Brasil)

Comentários

Comente aqui

BRASIL

Novo modelo de RG pode substituir a carteira de habilitação?

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Depois de passarem por remodelação, os novos documentos de identidade (o popular RG), já começaram a ser emitidos em São Paulo. Dentre as principais mudanças do novo modelo, está a inclusão do título de eleitor, carteira de trabalho, carteira de habilitação e outros documentos.
A inclusão dos dados referentes a outros documentos gerou dúvidas nos moradores do estado. Uma das principais dúvidas levantadas desde o anúncio da novidade é se o novo modelo do RG pode substituir a carteira de habilitação .
Apesar de incluir o número da CNH do titular do documento, o novo RG não substitui a carteira de habilitação. Ou seja, seguindo as determinações do Código de Trânsito, todos os motoristas devem estar portando a carteira de habilitação enquanto estiverem conduzindo algum veículo.

O novo modelo
O novo modelo do documento de identidade começou a ser emitido em São Paulo no último dia 20. As demais unidades da Federação têm até março de 2020 para também passar a emitirem o novo RG.
Além de conter as informações da CNH e de outros documentos, o novo RG também pode apresentar indicativos de necessidades especiais, tipo sanguíneo e conta com um QR Code que contém as informações do documento.
Leia também: Procuradoria e AGU anunciam novo acordo de R$ 1 bilhão para Amazônia
Mesmo com o novo modelo sendo emitido, a antiga versão do RG continua valendo. Para emitir o documento, basta agendar o atendimento pela internet ou pelo telefone e comparecer a uma unidade do Poupatempo

Continue lendo

BRASIL

WhatsApp está novamente banindo utilizadores; entenda

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

WhatsApp começou a banir utilizadores com iPhones desbloqueados que alterem o funcionamento padrão do aplicativo de mensagens, revelou o site ‘Olhar Digital’.
Em uma publicação no Twitter (abaixo) é divulgada a mensagem que está supostamente aparecendo pelos utilizadores sobre as suspensão das contas. Vale lembrar que os utilizadores de iPhones desbloqueados por si só não são o alvo desta iniciativa da empresa, pelo que só serão banidos aqueles que tenham feito alterações ao aplicativo.
Esta não é a primeira vez que o WhatsApp inicia uma ‘guerra’ contra os utilizadores de versões alteradas do app de mensagens, pelo que já no passado baniu os que utilizem apps não-oficiais como o WhatsApp BG e o WhatsApp Plus.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias