NOSSAS REDES

Brasileia

Terceira edição da corrida Brasileia Running Fire teve a participação de 193 atletas

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Fazendo parte da programação em comemoração aos 109 anos de fundação do município, foi realizada a corrida Brasileia Running Fire (Corrida do Fogo), no sábado (6), com a participação de 193 atletas, nas categorias competidor adulto masculino 8km, competidor adulto feminino 5km e competidor de 12-14 anos masculino e feminino.

A corrida do fogo é uma realização da Prefeitura através da Gerência de Esportes e Corpo de Bombeiros, com apoio da 2ª Cia. Especial de Fronteira e DETRAN.

O deputado Estadual Daniel Zen, que esteve visitando e prestigiando as festividades dos 109 anos de Brasileia e completou o percurso de 8km, falou a respeito da atividade. “É uma honra estar aqui participando das atividades em Brasileia, entre tantas que a prefeitura tem realizado. Aproveito para parabenizar a prefeita Fernanda pelo trabalho que vem fazendo em Brasileia, todo o cuidado que tem pela cidade e seus moradores”, ressaltou Daniel Zen.

A corrida iniciou em frente a sede da Prefeitura com o percurso até a rotatória do Frios Vilhena e voltou.

O tri-campeão Miguel Neto, cabo do Exercito Brasileiro falou da satisfação em participar da corrida. “A corrida já faz parte do meu calendário, procuro me programar para poder participar da Corrida do Fogo, e graças a Deus tem dado certo, minha três participações gerou 3 vitorias. Parabenizo a equipe organizadora, aos participantes da corrida pois sem eles não a eventos”, falou Miguel Neto.

A prefeita Fernanda Hassem parabenizou a equipe organizadora e agradeceu a participação de todos. “Uma corrida espetacular, com a participação de atletas locais e de outros municípios, inclusive da Bolívia. Só nos enche de orgulho em saber que tantas pessoas aprovaram essa atividade esportiva e gostaria de agradecer em especial aos grandes parceiros, Corpo de Bombeiros, Exército, Polícia Militar, DETRAN e todo empenho da nossa equipe da Gerência de Esportes. Parabéns as todos os competidores”, finalizou a prefeita Fernanda.

👉 Vencedores

Na categoria juvenil em 1° lugar Cristian Roca, 2° Vanderley Lima Silva, 3° Helder Paulo. No feminino em 1°lugar Aline Alves, 2° Ana Cleia e 3° Ana Luiza; Feminino classe 2: 1° lugar Tiana Rego, 2°Lene e 3° Raimunda Dias; Feminino classe 1 em 1° lugar Clavana Araújo, 2° Ahiromy e 3° Julieta; Masculino classe 2 em 1° lugar Josci Robarto, 2° Valdemir Neto, 3° Marleudo Barreto e masculino classe 1 em 1° Miguel França, 2° Efraim Mamani e 3° Gabriel da Silva.

Brasileia

Prefeita Fernanda Hassem é condenada por improbidade administrativa

Gecom TJAC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Empresas devem pagar multa civil por serem contratadas ilegalmente antes de vencerem licitação

A prefeita de Brasiléia também foi condenada por contratar os serviços de quatro empresários sem realizar procedimento licitatório.

O Juízo da Vara Cível da Comarca de Brasiléia condenou prefeita e quatro empresários por terem cometidos atos que atentam contra princípios da Administração Pública, descrito no artigo 11, caput, Lei 8.429/92 (Lei de Improbidade Administrativa).

Segundo os autos, a gestora do município teria contratado quatro empresas sem emprego de licitação. Contudo, é relatado no processo que apesar das requeridas terem sido contratadas ilegalmente, depois, participaram de licitação municipal e venceram.

Dessa forma todos serão obrigados a pagar multa civil pública. A gestora municipal o valor de R$ 5 mil, e os outros três prestadores de serviço devem pagar, respectivamente, R$ 3 mil, R$ 4 mil e R$ 2 mil.

Na sentença, publicada na edição n° 6.461 do Diário da Justiça Eletrônico, da terça-feira, 22, o juiz de Direito Gustavo Sirena, responsável pela sentença, considerou que a atuação dos requeridos “(…) não se pautou pelos princípios da moralidade, legalidade e impessoalidade”.

Mas, na análise do caso, foi constatado que não ocorreu enriquecimento ilícito. “Logo, indiscutível que os pagamentos ocorreram antes de qualquer procedimento licitatório. No entanto, em relação ao ato ímprobo de dano ao erário e enriquecimento ilícito, tenho que não se comprovaram no processo”, escreveu o magistrado, titular da unidade judiciária.

Continue lendo

Acompanhe em tempo real

Sindmed protocola no MPE relatório que aponta inúmeros problemas no hospital Wildy Viana

Avatar

PUBLICADO

em

A direção do Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed/AC) protocolou na manhã desta quinta-feira (3), na 1ª Promotoria Especializada de Defesa da Saúde, relatório técnico a respeito da visita realizada no último dia 27 ao Hospital Regional Wildy Viana, em Brasileia.

O relatório contendo informações colhidas junto aos médicos daquele hospital dá conta que não há número suficiente de médicos e outros profissionais de apoio para o rodízio de carga horária, fazendo com que os médicos não tenham tempo suficiente de descanso. Acontece ainda sobrecarga nos profissionais por diversas atividades, pois os médicos atuam na urgência e emergência, clínica cirúrgica, maternidade e outros.
O relatório também aponta falta de médicos especialistas como cirurgiões, pediatras e ortopedista. Outro fato citado é a falta de medicamentos básicos anti hipertensivos, alopidina, nifedipina, penicilina cristalina, entre outros.

O documento assinado pelo presidente do Sindmed/AC, doutor Murilo Batista, concluiu convidando o Ministério Público a realizar visita ao Hospital Wildy Viana e demais hospitais regionais.
“É que a visita se estendeu a outros hospitais que atuam como regionais. Não se pode responsabilizar o profissional médico pela falta de planejamento e descaso com a saúde. Acreditamos que os médicos e demais profissionais de saúde que atuam naqueles hospitais se esforçam além do devido para solucionar os percalços enfrentados diariamente para poder prestar um bom serviço à população”, diz.–

Gina Menezes Jornalista

Continue lendo

Super Promoções

WhatsApp chat