NOSSAS REDES

COTIDIANO

Uma fonte de renda: Casal investe em delivery de hortaliças, durante a pandemia

Redação do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Casal teve ideia de entregar verduras na casa de clientes após ausência desse tipo de serviço na capital de Rondônia.

Um casal de Porto Velho mudou a fonte de renda durante a pandemia após começar a investir na entrega de hortaliças a domicílio, o famoso “delivery”. Isso aconteceu depois de Thiago Faustino e Emanuelle Vargas deixarem seus empregos na cidade para trabalharem no campo.

Ao programa Rondônia Rural, Thiago contou que trabalhar com hortaliças e ter sua própria horta sempre foi seu objetivo.

Ao chegar em Porto Velho, o jovem teve esse sonho adiado por cinco anos, mas com o dinheiro que juntou trabalhando como mecânico, no ano passado comprou uma propriedade no Setor Chacareiro, na Zona Leste.

“Assim que eu sai da oficina, adquiri a propriedade e com os recursos comecei a fazer o que precisava produzir, incluindo um poço artesiano e irrigação. A partir daí comecei a plantar, colher e vender. Hoje vivo apenas de agricultura mesmo”, conta Thiago.

O cheiro verde, como cebolinha e coentro, domina a produção do casal. São colhidos 500 maços por dia para abastecer os mais variados clientes.

Durante a pandemia, Thiago abriu espaço para inovação, ganhou a companhia da Emanuelle e então eles adotaram o serviço de delivery.

Emanuelle é fisioterapeuta e, com a pandemia, precisou se afastar da sua profissão e ganhou gosto pela trabalho na lavoura.

“Com essa necessidade na pandemia, as pessoas todas em casa, não havia nenhum tipo de entrega de verduras em Porto Velho. Comecei a fazer entrega a amigos, começou a dar certo. Começaram a fazer suas encomendas e passaram a divulgar cada vez mais”, diz a jovem.

Ela criou um perfil nas redes sociais e passou a compartilhar o dia a dia da horta com os clientes virtuais que preferem consumir alimentos frescos e saudáveis.

Verduras preparadas pelo casal para serem entregues aos clientes na capital — Foto: Instagram/Reprodução

Depois ela organiza as verduras por tipo, coloca em uma ‘sacola de papel’ e envia para a entrega. Por Armando Júnior.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat