NOSSAS REDES

ACRE

Acre confirma duas mortes por Covid-19 e taxa de ocupação dos leitos de UTI cai para 36% nesta terça

PUBLICADO

em

O boletim desta terça-feira (15), da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), trouxe duas mortes por Covid-19 e mais 67 novos casos de infecção pela doença. Com isso, o número de infectados saiu de 84.337 para 84.404 e o de mortes subiu para 1.721.

Há 55 exames de RT-PCR aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Houve queda no número de internações nesta terça, 123 pessoas estão internadas, das quais 104 com teste positivo para a Covid-19.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência de e 9.428,7 casos para cada 100 mil habitantes. A taxa de mortalidade em cada 100 mil habitantes é de 199, já a de letalidade – quantidade de mortos dentro dos números confirmados da doença – é de 2%.

Dos 106 leitos de UTI nos hospitais da rede SUS disponibilizados no estado, 38 estão ocupados. Com isso, a taxa de ocupação dos leitos apresentou uma queda de 40% para 36%, entre segunda e terça. Os leitos de UTI estão concentrados na capital, com 80 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 26.

Mortes por cidade

Cidades com óbitosÓbitos totaisNovos registros
Acrelândia340
Assis Brasil240
Brasiléia380
Bujari170
Capixaba170
Cruzeiro do Sul1540
Epitaciolândia310
Feijó590
Jordão20
Mâncio Lima290
Manoel Urbano140
Marechal Thaumaturgo110
Plácido de Castro180
Porto Acre360
Porto Walter40
Rio Branco1.0472
Rodrigues Alves110
Santa Rosa do Purus70
Sena Madureira640
Senador Guiomard420
Tarauacá350
Xapuri270
Total1.7212

Números e mortes

Das 1.721 mortes, 998 eram homens e 723 mulheres. Do total de vítimas, 1.163 tinham acima de 60 anos. Dentre os óbitos, 966 deles tinham alguma comorbidade, porém, verifica-se que 755 das pessoas que evoluíram para o óbito não tinham histórico de comorbidades.

As mortes desta terça foram registradas na capital, de um homem e uma mulher.

Perfil

Rio Branco

Morador de Rio Branco, de 91 anos, deu entrada no dia 14 de junho, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Segundo Distrito, e morreu no mesmo dia.

A segunda vítima é uma idosa de 77 anos, de Rio Branco. Ela deu entrada no Hospital Santa Juliana, no dia 26 de março, e morreu no dia 27 de março.

Maiores taxas de contaminação a cada 10 mil habitantes:

  • Assis Brasil – 2.267
  • Xapuri – 1.521
  • Tarauacá – 1.478
  • Santa Rosa – 1.435
  • Mâncio Lima – 1.303

Área do Leitor

Receba as publicações diárias por e-mail

REDES SOCIAIS

MAIS LIDAS

WhatsApp chat