NOSSAS REDES

ACRE

Acre envia 15 pacientes de Covid-19 para o Amazonas neste sábado

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Pelo menos quinze pacientes internados por complicações da Covid-19 no Instituto de Traumatologia e Ortopedia (Into) em Rio Branco, no Acre, serão enviados para Manaus, no Amazonas, neste sábado (13). Conforme informações apuradas pelo ac24horas, um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) irá pousar em solo acreano por volta das 9 horas para buscar os pacientes.

Na noite dessa sexta-feira, uma fila de ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) se formou nas dependências do Into para buscar os 15 pacientes que serão levados para dar continuidade ao tratamento no estado vizinho.

Ainda na madrugada deste sábado os pacientes foram levados para um anexo do Into localizado nas proximidades da Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre), onde devem aguardar o momento de serem transferidos ao Amazonas.

“A gente não tem mais vagas. Por isso que vamos mandar uns [pacientes] para Manaus. Mas mesmo assim é indo e a toda hora chegando gente”, informou um dos profissionais que atua na linha de frente do combate ao vírus no Into da capital acreana.

Anúncio

O governador do Acre, Gladson Cameli, anunciou no início da noite dessa sexta-feira que o Estado do Amazonas colocou à disposição leitos em Manaus para tratamento de acreanos com a Covid-19 com sintomas leves e moderados.

O anúncio ocorreu na véspera do lockdown, que inicia neste final de semana no Acre. Mesmo com a abertura de novas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) o Into vem sofrendo com a alta demanda de pacientes diariamente.

Segundo Cameli, o Ministério da Saúde fará o transporte dos acreanos que necessitarem ir ao Estado do Amazonas. Cameli relatou que pediu ajuda também ao governo do Rio de Janeiro, porém ainda não obteve uma resposta. “O Pazuello me passou que o Amazonas está disponibilizando leitos para poder receber e eu também pedi ao Rio de Janeiro. Eles devem dar a resposta em breve”, afirmou.

O gesto do governo amazonense ocorre meses após o governador Gladson Cameli colocar 10 UTIs para o tratamento de pacientes vindos do Amazonas. Nesta semana, o Estado do Acre registrou mais de 40 mortes em decorrência do vírus. Nessa sexta-feira, foram 12 mortes em decorrência da doença.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat