NOSSAS REDES

CIDADES

Alvo de operação do MP por suspeita de irregularidades, prefeitura de Sena Madureira vai investigar denunciados

Redação do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB), mandou instaurar sindicância investigativa para apurar a denúncia de pagamentos ilegais de benefícios na esfera municipal, depois que o Ministério Público, com autorização da justiça, realizou uma operação na prefeitura.

Em dezembro, o MP deflagrou a operação ¨ Contas a pagar¨, para apurar denúncias de desvio de dinheiro público nas secretarias de planejamento, finanças, recursos humanos e administração. Na ocasião, foram apreendidos documentos e equipamentos eletrônicos nestes locais.

Em medida publicada no Diário Oficial do Estado, o gestor determinou a formação de uma comissão investigativa para apurar todas as denúncias citadas no processo que já tramita na justiça.

Na publicação, Serafim diz que o trabalho deve ocorrer sem publicidade, porém na mesma portaria, publicou os nomes de todos os servidores envolvidos. Diz ainda a medida assinada pelo chefe do executivo municipal, que a comissão terá um prazo de trinta dias concluir os trabalhos, podendo prorrogar por igual período, e ao final, elaborar e entregar relatório para que, havendo responsáveis, sejam aplicadas as medidas administrativas cabíveis.

Servidores indiciados

Jeferson Cavalcanti Dávila
Ivoneide Bernardino de Farias
Franquiley Dias dos Santos
Alcimar Gomes de Lima
Cláudia Helena T Cunha
Edilson Ferreira de Oliveira

Servidores citados
Chirla Maria da Silva Barros
Gecineide Dávila da Silva Furtado
Luy Wesley Sampaio L de Souza
Wesley Cassio Barela Teixeira
Joelma de Souza Falcão
Ilêdo de Lima Rondon
Patrícia Damasceno da Silva

jornalatribuna.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat