NOSSAS REDES

Notícias institucionais

Deputado Gehlen Diniz pede melhorias para escola do interior e reabertura de ramal

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Durante sessão realizada nesta terça-feira (18) o deputado Gehlen Diniz (PP) apresentou duas indicações. Em uma delas o parlamentar solicita reparos na escola de ensino médio Dom Júlio Mattioli, em Sena Madureira, e também a reabertura do ramal Jarinal, localizado no KM 70 da rodovia Transacreana.

O parlamentar alegou que a escola de ensino médio passa por alguns problemas em sua estrutura e que tanto a cobertura do auditório quanto a quadra de esportes da instituição necessitam de reparos urgentes. “Essa é a única escola de ensino médio daquela região mais distante. Falei com o secretário da Seinfra e me foi garantido que a obra tão logo será iniciada”. Sobre a reabertura do ramal Jarinal, Diniz falou que a via é responsável por oferecer acesso ao Projeto Oriente, Pracauba, Recife, Sacado e Nova Olinda. “As pessoas que residem naquelas proximidades mais distantes da capital enfrentam dificuldades para se locomoverem, por isso apresento essa indicação.

O parlamentar concluiu seu discurso elogiando o governador Gladson Cameli (PP), por ter garantido que os cadastros de reserva da Polícia Militar, que realizaram o último concurso, serão aprovados tão logo se encerre o curso de formação militar que está em andamento.

“Vamos investir na segurança. Os números de crimes caíram, mas vai melhorar ainda mais, esse é o objetivo do governador. Quero parabenizá-lo pelo mesmo ter garantido que vai convocar os cadastros de reserva da Polícia Militar. Sobre os peritos, atualmente temos um número defasado desses profissionais na ativa. O governo anterior promoveu um concurso, mas não convocou a quantidade necessária. O atual governo tem buscado soluções para resolver essa questão o quanto antes”, concluiu.

YACO NEWS

Notícias institucionais

Aprovado pojeto que prevê pagamento de tornozeleiras pelos próprios presos no Acre

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Os deputados aprovaram por unanimidade o projeto do deputado Roberto Duarte (MDB), durante sessão na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), que prevê o pagamento de aparelhos eletrônicos pelos próprios presos apenados no sistema jurídico acreano.

De acordo Roberto, o estado gasta milhões de reais anualmente com as tornozeleiras e, por isso, quem é julgado pela justiça, deve custear o gasto com o equipamento que vai usar.

“Outros estados já votaram a favor dessa legislação. Não há nada de inconstitucional sobre isso e, por isso, quem foi julgado deve pagar pelo equipamento que vai usar, e não o estado”, explicou.

A ementa será levada ao executivo acreano e passará pela apreciação do governador Gladson Cameli. Caso seja aprovada, valerá a partir da data de autorização.

Continue lendo

Notícias institucionais

Nova decisão da justiça impede RBTrans de multar motoristas da Uber

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A prefeitura de Rio Branco perdeu mais uma queda de braço contra os motoristas que transportam passageiros pelo aplicativo UBER.
A briga vem desde que o município colocou em prática a lei que regulamenta o transporte de passageiros por aplicativos. A lei estabelece que motoristas e o próprio aplicativo precisam se cadastrar. Inconformados, alguns motoristas que trabalham com o Uber entraram na justiça que adiou por 60 dias o início da fiscalização.
O prazo terminou na última sexta-feira, 14, e o próprio diretor da RB Trans, Nélio Anastácio, já havia garantido ao ac24horas que a fiscalização teria início nesta segunda, 16, e que motoristas que fossem pegos dirigindo de forma irregular seriam multados em R$ 1.500. Já para as empresas proprietárias dos aplicativos a multa chegaria a 127 mil reais.
Mas, a multa vai ficar apenas na intenção, já que uma decisão do plantão judiciário neste domingo, 16, proíbe a RB Trans de realizar apreensão de veículo, aplicação de multa e retenção de carteira de habilitação.
A juíza Luana Campos afirmou que a decisão liminar garante o exercício do labor diário, que serve para o sustento das famílias dos motoristas, além de estabelecer multa de 250 reais por cada descumprimento de decisão.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias