NOSSAS REDES

ACRE

Estudantes de medicina detonam Ufac e dizem que situação do curso é caótica

PUBLICADO

em

O curso de medicina da Universidade Federal do Acre (UFAC) completa 20 anos de existência em 2021, mas parece ter pouco a comemorar. Pelo menos essa é a opinião do Diretório Acadêmico que representa os estudantes do curso. Uma nota de repúdio publicada nas redes sociais diz que a situação do curso é caótica.

Atualmente, a instituição tem cerca de 450 alunos matriculados e apenas seis preceptores,  que são os médicos bolsistas que recebem os alunos no SUS. Pelas contas dos acadêmicos, são 75 estudantes para um único preceptor. “É importante frisar que esses problemas de campo de estágio e preceptoria advém do período pré-pandemia, no qual foi dobrada a quantidade de alunos sem que o número de professores também tivessem aumento.

O curso tem, de acordo com os estudantes, número de professores e preceptores insuficientes para o funcionamento e a dinâmica do curso.

Os estudantes dizem que por negligência da reitoria, eles mesmo precisam entrar  em contato com os médicos e as unidades de saúde para poderem realizar seus estágios.

ac24horas procurou ainda na manhã desta terça-feira, 10,  a assessoria da Ufac para um posicionamento, o que não aconteceu até o fechamento dessa reportagem. O espaço continua aberto para manifestação da instituição universitária.

Junte-se a 42.984 outros assinantes

MAIS LIDAS