NOSSAS REDES

ACRE

Família afirma que jovem degolado brutalmente não tinha passagem pela polícia

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Logo após a trágica morte do jovem Raimundo Lacerda do Nascimento, de 23 anos, familiares e amigos do rapaz informaram que ele trabalhava como motoboy na Secretaria Municipal de Educação e nunca teve envolvimento com nenhum tipo de crime, tampouco passagem pela polícia. Para a família, Raimundo foi vítima de uma emboscada.

O jovem foi morto ao ser degolado. Imagens do momento da execução foram divulgadas na noite de sexta-feira, 17, através de um aplicativo de celular, meio pelo qual familiares reconhecerem a vítima. Segundo familiares, a vítima não tinha passagem pela polícia e também não mantinha nenhum envolvimento com o mundo do crime.

A motocicleta que o jovem conduzia antes de ser morto, uma CG Start, de cor vermelha e placa QLV 8208, ainda não foi encontrada.

Raimundo era morador do loteamento Sol Nascente, no bairro Vila Acre, em Rio Branco e estava cursando Recursos Humanos. Agora, a Polícia Civil segue com investigações para desvendar os envolvidos no caso

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat