NOSSAS REDES

MUNDO

Filho de Bin Laden teria se casado com a filha de um dos autores do 11 de setembro

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Os familiares de Bin Laden revelaram que o filho mais velho do ex-líder da Al-Qaeda, que promete vingar a morte do pai, se casou com a filha de Mohammed Atta, um dos sequestradores de um dos aviões do 11 de setembro.

Na foto, Hamza bin Laden, filho de Osama bin Laden.

Depois da publicação da entrevista da mãe de Osama bin Laden, o The Guardian acaba de revelar mais detalhes, agora sobre o filho daquele que foi o inimigo número 1 dos EUA.

Hamza Bin Laden, o filho de 29 anos do falecido líder da Al-Qaeda, é considerado pelos EUA uma “ameaça terrorista” e já prometeu vingar a morte do pai. Agora, de acordo com o jornal britânico, o jovem se casou com a filha de Mohammed Atta, um dos sequestradores de um dos aviões do 11 de setembro, que vitimou quase 3 mil pessoas em Nova York.

A informação foi revelada ao jornal pelos irmãos de Bin Laden, Ahmad e Hassan, que acreditam que o sobrinho alcançou uma posição superior dentro da organização terrorista e, mais uma vez, reafirma a vontade de vingar a morte do pai, morto em um esconderijo no Paquistão, em 2011, durante uma operação militar dos EUA.

“Ouvimos dizer que ele se casou com a filha de Mohammed Atta”, diz Ahmad al-Attas. “Não temos a certeza de onde está atualmente, mas pode estar no Afeganistão“, acrescenta.

Segundo o diário inglês, Hamza é filho de uma das três mulheres sobreviventes de Bin Laden, Khairiah Sabar, que vivia com o marido em um complexo em Abbottabad, perto de uma grande base militar paquistanesa, quando foi morto.

Desde então, o jovem de 29 anos fez declarações públicas a pedir aos seguidores do grupo terrorista que comecem uma guerra em Washington, Londres, Paris e Tel Aviv e é visto como um representante do atual líder, Ayman al-Zawahiri.

As agências de inteligência ocidentais se concentram cada vez mais no paradeiro de Hamza, sobretudo nos últimos dois anos, considerando-o a pessoa mais provável de conseguir galvanizar os seguidores do grupo terrorista.

Além disso, o casamento com a filha de Atta, de nacionalidade egípcia, parece confirmar que os “ex-alumni” do 11 de setembro continuam o centro da Al-Qaeda e que a própria organização continua organizada em torno do legado de Bin Laden.

Os outros filhos do ex-terrorista, Khalid e Saad, foram mortos em operações militares: o primeiro em uma operação norte-americana em Abbottabad e o outro em um ataque de drone no Afeganistão em 2009. Cartas supostamente escritas por Bin Laden e encontradas no complexo sugerem que ele preparava Hamza para substituí-lo, em parte para vingar a morte de Saad.

De acordo com o jornal, sabe-se que, depois do atentado ao World Trade Center, Hamza Bin Laden passou alguns anos no Irã onde, juntamente com outras dezenas de familiares de membros do 11/9, foi protegido por funcionários dos serviços de inteligência iranianos e por militares. Também se supõe que já teria viajado para a Síria, porém, é mais provável que esteja entre o Afeganistão e o Paquistão. Ciberia / ZAP

Comentários

Comente aqui

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat