NOSSAS REDES

CIDADES

Homem é condenado a mais de onze anos de prisão por crime de tráfico de drogas

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Réu, que já respondia por outro processo, forneceu entorpecentes para adolescentes.

O Juízo da Vara Criminal da Comarca de Sena Madureira condenou o denunciado no Processo n°0001408-62.2018.8.01.0011 a onze anos e oito meses de reclusão, em regime inicial fechado, além do pagamento de 1.167 dias-multa, em função do réu ter cometido o crime de tráfico de drogas (art. 33, caput, da Lei 11.343/06) no referido município.

Conforme autos, três adolescentes foram encontradas com tabletes de maconha e cocaína, sendo constatado que réu havia fornecido as substâncias ilícitas. Foi apurado, ainda, que o acusado estava cumprindo pena de outro processo, no regime semiaberto.

Na sentença, publicada na edição n° 6.221 do Diário da Justiça Eletrônico, o juiz de Direito Fábio Farias, titular da unidade judiciária, reprovou a culpabilidade do réu, “pois premeditou o crime de substâncias entorpecentes, sendo o ‘cabeça’ do grupo formado por adolescentes incumbidos da traficância eventual”.

Sentença

Analisando os elementos comprovatórios, o magistrado ressaltou que “as buscas realizadas na residência do acusado corroboram a comercialização, isso porque, além de dinheiro e cocaína, os investigadores apreenderam uma balança de precisão, o que é comum em ‘bocas de fumo’, já que o traficante utiliza para pesagem da substância e, consequentemente, venda no varejo”.

Apesar de o acusado ter sido denunciado pela prática do crime de associação para o tráfico, o juiz de Direito o absolveu deste crime, por ausências de provas. “Analisando os autos, percebe-se que as provas carreadas são insuficientes para comprovar o crime de associação para o tráfico, pois inexiste indícios de que o réu e as menores se associaram de forma estável e permanente, o que inviabiliza o decreto condenatório”.

Por fim, na dosimetria da pena, o juiz destacou as circunstâncias da prática do crime, onde o réu “mesmo estando preso no regime semiaberto com monitoramento eletrônico, encontrava-se traficando maconha e cocaína, demonstrando, portanto, afronta ao poder estatal, além de revelar desinteresse em ressocializar-se, o que não lhe beneficia”. Gecom TJAC.

Advertisement
Comentários

Comente aqui

CORONAVÍRUS

Estado e Prefeitura de Tarauacá assinam termo de cooperação para enfrentamento da Covid-19

Agência de Notícias GOV/AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O termo de cooperação assinado pelo Governo do Estado, por meio Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) e pela Prefeitura de Tarauacá, na manhã desta segunda-feira, 13, tem como propósito a colaboração do município, no sentido de fornecer materiais, equipamentos e profissionais para o Hospital Dr. Sansão Gomes no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Termo de cooperação oficializa parceria entre prefeitura e Saúde do Estado para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Foto: Junior Aguiar.

“Agradeço à prefeita Marilete Vitorino pela preocupação em somar esforços no combate à pandemia. Sem dúvida o momento é de união entre todos para que a população acreana seja bem atendida”, destacou o secretário de Estado de Saúde, Alysson Bestene.

No mesmo encontro, foi discutido sobre os novos testes rápidos que serão disponibilizados pelo Estado aos municípios. Marilete Vitorino também reforçou a importância das parcerias: “A gente sempre entendeu que Estado e Município tinham que estar juntos. Então, dentro das nossas possibilidades, cedemos ao hospital materiais que possam ajudar o trabalho dos profissionais de saúde”.

Continue lendo

CRIME

Homem encontra crânio em igarapé enquanto fazia limpeza de quintal em Rio Branco

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Perícia técnica e bombeiros foram acionados para atender ocorrência. Crânio deve ser levado para o Departamento de Polícia Técnico Científica da capital.

CAPA: Homem encontra crânio em igarapé enquanto fazia limpeza de quintal em Rio Branco — Foto: Arquivo/Corpo de Bombeiros.

Um morador levou um susto enquanto limpava o quintal, no início da tarde deste sábado (11), na Travessa Judia, região do bairro Santa Inês, em Rio Branco. É que ele encontrou um crânio em cima de galhos secos dentro do igarapé Judia.

O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informou que o homem fazia a limpeza do local quando o terçado que ele usava caiu e ao pegar o objeto visualizou o crânio.

Equipes de perícia técnica e do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atender a ocorrência. O local foi isolado e o crânio vai ser levado para o Departamento de Polícia Técnico Científica para os procedimentos cabíveis de identificação.

O major Cláudio Falcão, dos Bombeiros, informou que a equipe chegou a fazer buscas no local na tentativa de localizar o restante do corpo, mas nada foi encontrado.

A polícia disse que ainda não é possível dizer de quem seria o crânio. Também não foi encontrada nenhuma outra parte do corpo. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídio e Proteção e à Pessoa.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

Grupos de notícias