NOSSAS REDES

ACRE

Jovem que perdeu o pai vítima de explosão quer indenização

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Depois de enterrar o pai, Valdir Torquato, no último domingo em Marechal Thaumaturgo, José Maria Ferreira da Silva,de 20 anos, decidiu que vai aguardar a polícia e justiça definirem os culpados pra pedir indenização pela morte de seu genitor. Ele cita que várias pessoas em Thaumaturgo disseram a ele, que o verdadeiro dono dos 5 mil litros de combustível que abasteciam o barco na hora da explosão, é um vereador da cidade, chamado Amadeus, do PT. Desde o dia da explosão, o político não é mais visto na cidade. “A polícia e a Justiça vão ter que dar resposta pra esse caso, que não pode ficar impune, porque 5 pessoas já morreram e várias, como meu irmão caçula, seguem nos hospitais. Alguém vai ter que pagar financeiramente por tudo isso”, desabafa emocionado.

A mãe de José, Jocileia está internada em estado grave em Goiânia, e o irmão, Paulo Vitor, de 4 anos, já apresentou melhoras mas segue internado em Belo Horizonte.
José, que é o filho mais velho que morava em casa com os pais e irmãos na Foz do Rio Bagé, agora é responsável pelo sustento dos sete irmãos de 9 a 15 anos de idade. “Eu trabalhava com meu pai de ombro a ombro e agora me sinto só, mas vou dar conta e esperar minha mãe e meu irmão voltarem pra casa”.
O jovem de 20 anos cita que a mãe ganhava R$ 700 de Bolsa Família, que ele conseguiu receber e é com essa quantia que ajuda os dois parentes que são os acompanhantes da mãe e do irmão fora do Estado. Ele ouviu falar em uma campanha de arrecadação de roupas e alimento que houve em Cruzeiro do Sul para ajudar as famílias das vítimas da explosão do barco, mas afirma que nada chegou até ele. “Vou precisar de toda ajuda possível para os meus irmãos, mas nunca recebi nada de ninguém até agora”, conclui

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat