NOSSAS REDES

ACRE

Perto de ganhar liberdade, detento morre vítima de descarga elétrica em presídio de Rio Branco

Ecosdanoticia, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O detento Francisco Ferreira Cavalcante, de 37 anos, morreu vítima de uma descarga elétrica, na tarde desta quinta-feira (5), no presídio Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco.

Segundo informações dos policiais penais, o preso estava prestando serviço para reduzir a pena e estava bem perto de ganhar a liberdade. O detento subiu em um poste para tentar fazer uma ligação de energia, quando recebeu uma descarga elétrica de aproximadamente 220 volts e caiu do poste.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e enviou uma ambulância do suporte avançado, que encaminhou o preso ao pronto-socorro de Rio Branco em estado gravíssimo. Minutos depois de dar entrada no PS, o detento não resistiu à lesão da descarga e morreu.

O caso agora segue para ser investigado pela Polícia Civil de Rio Branco.

Nota Pública

O Governo do Estado do Acre, por meio do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), vem a público informar que:

1. Foi registrado no início da tarde desta quinta-feira, 5, o óbito do preso Francisco Ferreira Cavalcante, 37 anos, que cumpria pena no pavilhão R da unidade de regime fechado nº 1, localizada no Complexo Penitenciário de Rio Branco.

2. O detento possuía portaria para o trabalho interno e atuava na manutenção do Complexo. Ocorre que no início da tarde desta quinta-feira, 5, mesmo sem autorização da escolta, o detento subiu no poste para realizar reparos na fiação, momento em que recebeu uma descarga elétrica.

3. Diante da ocorrência, os policiais penais de plantão realizaram os primeiros socorros e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Este, por sua vez, conduziu o paciente até o Pronto-Socorro de Rio Branco, para os atendimentos médicos necessários. Durante os procedimentos no Pronto-Socorro, o detento não resistiu e veio a óbito.

4. Diante da situação, o Iapen se solidariza com a família enlutada, manifestando profundo pesar e informando ainda que todos os procedimentos cabíveis serão tomados no sentido de realizar o devido amparo neste momento de dor.

 

Rio Branco – Acre, 5 de novembro de 2020.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat