NOSSAS REDES

POLÍCIA

Policial militar evita assalto e é ferido com arma branca

Assessoria, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A policia militar, por meio do 8° Batalhão de Sena Madureira, informou em nota que o aluno sargento Aleykson foi ferido no braço, possivelmente com uma arma branca, ao intervir em um assalto nas imediações da praça 25 de setembro, na noite deste domingo (21). A polícia pede ajuda aos moradores para tentar agilizar a prisão dos acusados, que podem ser moradores do bairro da Pista.

Ainda em nota, o 8° Batalhão informou que o policial foi ferido no braço, sem muita gravidade, entretanto, foi encaminhado a Rio Branco, pelo próprio batalhão, após receber atendimentos no pronto socorro.

O fato ocorreu durante um assalto. O policial que estava à paisana interviu e, na ação, foi atingido no braço. Houve disparo de arma de fogo, mas ninguém foi atingido.

“Nota de esclarecimento do 8° BPM.

Hoje, por volta de 22h00min, houve uma ocorrência de roubo num comércio localizado na praça 25 de setembro na qual o Al SGT PM Aleykson veio a intervir para tentar cessar o ato ilícito dos meliantes.

Na ação o militar foi ferido pelos meliantes por via de uma arma branca no antebraço, sendo que os autores empreenderam fuga.

AL SGT PM foi conduzido aos PS de Rio Branco pela ASP PM M. Pontes e SGT PM Benoni.

Além disso, o policial ferido está bem, contudo, o antebraço está inchado, o que motivou sua ida à Rio Branco para melhores cuidados.

Vale ressaltar, que o militar foi encaminhado à Rio Branco pelo próprio Batalhão a fim de realizar exames mais precisos.

O 8° BPM pede ajuda à população para encontrar os autores.

Assim, caso tenham informações liguem 190.

Assessoria do 8° BPM”

ACRE

Com ajuda de câmeras, polícia identifica e prende homem que invadiu escola no AC

G1AC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Welington Almeida da Silva, de 18 anos, foi preso, na manhã desta sexta-feira (24), durante uma ação da Polícia Civil. Ele é suspeito de ter invadido uma escola de ensino fundamentalna noite desta quinta-feira (23) para roubar equipamentos e materiais da administração da unidade de ensino.

Além de um notebook, o suspeito teria levado monitores, uma caixa de som e outros equipamentos. De acordo com o delegado Lindomar Ventura, o suspeito teria entrado pelo teto. A polícia investiga para saber se houve a participação de outras pessoas no crime.

“Estamos investigando agora para saber se ele teve apoio de um comparsa. Nesses casos de crimes contra o patrimônio, estamos tendo uma ação bem rápida para identificar também os receptadores que são a grande alavanca para o crescimento dos casos de furtos e roubos”, disse Ventura.

De acordo com a polícia, Silva foi identificado por meio de câmeras de monitoramento da escola. Na delegacia, ele confessou que praticou o furto. Até o momento, a polícia só conseguiu recuperar o notebook dos equipamentos que foram levados pelo suspeito.

“Ainda não tivemos uma conversa muito produtiva com ele, porque ainda está sob efeito de droga. A gente vai aguardar um pouco mais para ter uma conversa mais clara, mas o que ele já nos repassou é que cometeu o furto. Ele também já é conhecido da polícia por outras ocorrências de furtos e já é acostumado nessa prática. Ele será flagranteado e conduzido para a justiça”, afirmou o delegado.

Este é o segundo caso de invasão em escolas de Cruzeiro do Sul em uma semana. Na sexta-feira (17), dois homens armados invadiram a escola Madre Anselma, na Avenida 25 de Agosto, e levaram celulares e outros objetos pessoais de servidores. Até o momento os suspeitos desse caso ainda não foram presos.

“Já temos muitas informações sobre esse caso. As investigações já estão bem avançadas, mas ainda não podemos adiantar para não prejudicar o processo de apuração”, diz o delegado.

Continue lendo

ACRE

Assaltante que matou estudante do Ifac para roubar motocicleta é condenado a 27 anos

Acjornal, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Francisco de Assis Menezes Rodrigues, um dos envolvidos na morte da estudante do IFAC Emauela da Souza, foi condenado pela Justiça. A sentença foi proferida pelo Juíz da 4ª Vara Criminal. Na decisão o magistrado, foi julgado procedente a denúncia do Ministério Publico Estadual, que apontou o presidiário Francisco de Assis Menezes Rodrigues como executor do crime. A estudante tinha 33 anos.
Pelo crime de latrocínio – roubo seguido de morte – Francisco de Assis Menezes Rodrigues foi condenado a 27 anos, 2 meses e 2 dias de prisão. O regime da pena é inicial fechado, mas por ser reincidente o réu só terá direito a progressão de regime depois de cumprir 3\5 da pena, ou seja, o criminoso terá direito ao semi- aberto após ficar 16 anos no regime fechado. 
A estudante foi morta no dia 02 de Abril do ano passado, nas proximidades do Horto Florestal, no Conjunto Solar. A vítima trafegava numa motocicleta em direção ao Instituto Federal do Acre. Emanuele foi atingida com um tiro, efetuado segundo a pericia a queima roupa. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu dentro da ambulância do Samu.

Em julho do ano passado Francisco foi preso por Agentes da Delegacia de Combate a Roubos e Extorsões. Ainda na sentença, o Juiz negou ao réu o direito de recorrer em liberdade.

Continue lendo

VOTE NA ENQUETE

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco