NOSSAS REDES

ACRE

Prefeita Marilete Vitorino consegue R$ 1.390,804,60 para reformar Estádio Naborzão

Assecom - Prefeitura de Tarauacá, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

PREFEITA MARILETE CONFIRMA EMPENHO DE RECURSO PARA REFORMA E AMPLIAÇÃO DO ESTÁDIO O NABORZÃO EM TARAUACÁ.

Nesta terça-feira (09), a Prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino, recebeu a notícia – Associação dos Municípios do Acre, (AMAC), sobre o empenho no valor de R$ 1.390,804,60, para reforma e ampliação do Estádio Municipal O Naborzão .

Para a Prefeita Marilete Vitorino, “Aos poucos já podemos ver alguns resultados de minha ida a Brasília em busca de recursos para Tarauacá. Agradeço a Deputado Federal Jéssica Sales, pois é através de emenda extra orçamentária dessa parlamentar que estamos conseguindo melhorar a cidade”, afirma a Prefeita Marilete. 

ACRE

Mulher é executada com 3 tiros e adolescente baleada dentro de casa, no interior do Acre

Alerta Acre, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Francisca Andrade de Barros, 30 anos, morreu e uma menor de 14 anos ficou gravemente ferida por disparo de arma de fogo na noite desta segunda-feira (16), na BR-317, no KM 52, na Estrada de Boca do Acre, na Vila Pia, no município de Acrelândia.

Segundo informações de familiares, 4 homens chegaram em um carro de cor branca, pularam a cerca e começaram a chamar pelos nomes dos moradores da residência, quando uma das 8 pessoas que moram no local abriu a porta, momento este, que um dos homens colou pé e não deixou mais a porta ser fechada, em seguida deram um tiro na porta, e os criminosos invadiram a casa e começaram a tirar nas vítimas.

A adolescente que estava dormindo na sala e tentou correr para os fundo da residência, pegou um tiro nas costas. Já a dona de casa, Francisca Andrade de Barros, foi morta dentro do seu quarto com 3 tiros, sendo um na cabeça, um no peito e outro na mão direita.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e levaram duas ambulâncias para faz o socorro das vítimas, mas quando chegaram ao local apenas conseguiram atestar a morte de Francisca, e socorreram a adolescente que foi levada para o Pronto-Socorro de Rio Branco em estado gravíssimo.

A Polícia Militar também esteve no local e isolou a área para os trabalhos da perícia. Os militares ainda colheram informações e tentaram procurar pela autora do crime na região, mas não encontraram ela até o momento.

O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Segundo membros da família, há cerca de um mês alguns homens também tentaram arrombar a portas, mas não conseguiram, apenas fizeram disparos nas paredes da residência e foram embora. É mais um capítulo da guerra de facção no interior do estado.

Continue lendo

ACRE

Acre vai receber R$ 23 milhões recuperados pela Operação Lava Jato em desvios da Petrobras

Governadores dos estados da Amazônia Legal se reuniram na tarde desta segunda-feira, 16, com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, para definir os critérios para divisão de R$ 430 milhões do Fundo Petrobrás entre Acre, Amazonas, Amapá, Rondônia, Roraima, Pará, Mato Grosso, Maranhão e Tocantins. O vice-governador Major Rocha, representou o estado e recebeu a confirmação de que o Acre vai receber, nos próximos dias, a quantia de cerca de R$ 23 milhões para ações no meio ambiente e combate aos incêndios florestais.

O dinheiro que será repassado aos estados é proveniente do repatriamento de valores que foram recuperados pela Operação Lava Jato em desvios da Petrobras. Do total de 430 milhões, metade será dividida igualitariamente entre os nove estados e repassados imediatamente. A outra metade será dividida segundo critérios que serão discutidos entre o Ministério do Meio Ambiente e os governadores que compõem a Amazônia Legal.

Os R$ 23 milhões e 888 mil reais iniciais deverão ser investidos na fiscalização e controle ambiental e no custeio de despesas para o combate às queimadas. Os outros quase R$ 24 milhões serão liberados após a análise conjunta de prioridades dos estados, tais como: número de focos de queimada, tendo por base o ano de 2018; extensão territorial do estado e população; extensão da faixa de fronteira linear; Produto Interno Bruto (PIB)e o volume de área desmatada por estado e também serão usados para ações do meio ambiente.

Os critérios não estão fixados em definitivo e os governadores deverão se reunir com o ministro Ricardo Salles no início de outubro para avaliarem novamente a distribuição.

Rocha disse que a urgência no repasse se deve ao trabalho que deverá ser desenvolvido ainda neste verão, para que as ações possam se prolongar e que no próximo ano não aconteçam os transtornos ambientais que ocorreram em 2019.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias