NOSSAS REDES

GOVERNO

PREFEITA MARILETE VITORINO SE REÚNE COM GOVERNADOR GLADSON EM BUSCA DE CONVÊNIOS E MELHORIAS PARA O MUNICÍPIO.

A Prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino, esteve em Rio Branco, este final de semana, para um encontro com o Governador Gladson Cameli.

Na reunião, que aconteceu na Sede do Governo do Estado, e contou com a presença do Secretário de Infraestrutura e de Desenvolvimento Urbano, Thiago Caetano, foram abordados diversos temas de interesse do município de Tarauacá. 

Na pauta, a Prefeita Marilete destacou a necessidade de investimentos nas mais diversas áreas do município, e de imediato o Governador se colocou à disposição juntamente com as pastas de governo e toda sua equipe administrativa.

A prefeita Marilete falou do apoio do governo, afirmando que várias ações serão realizadas ainda este ano, a fim de garantir uma melhor qualidade de vida aos moradores de Tarauacá.“Nosso encontro foi muito produtivo. O apoio do Governo do Estado é fundamental para avançar na melhoria da cidade em diversos setores. Volto para Tarauacá otimista e esperançosa, e com boas expectativas, porque conquistas de suma importância serão concretizadas em nosso município”,disse a Prefeita Marilete Vitorino.

Comentários

Comente aqui

BRASIL

Era Bolsonaro/ Guedes: Indústria brasileira pode deixar ranking das 10 maiores do mundo

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Enquanto a produção industrial no mundo cresceu 10% desde 2014, a atividade nas fábricas brasileiras caiu 15% no mesmo período – e não recuperou o patamar em que estava antes da recessão. Se nada for feito, de acordo com economistas, nosso país sai do top 10.

Além dos efeitos negativos da recessão brasileira, de 2015 a 2016, sobre confiança e emprego, os variados choques que a atividade industrial sofreu no País e os problemas estruturais que o setor enfrenta explicam a disparidade do desempenho local frente a países vizinhos, dizem especialistas.

Esses fatores devem levar a indústria, que tem peso de cerca de 11% no Produto Interno Bruto (PIB), a uma nova retração este ano, após registrar crescimento em 2017 e 2018, influenciada também pela desaceleração global. O pico de participação da indústria no PIB foi em 1976, com 22,3% (a preços constantes de 2010).

POR ESTADÃO

Continue lendo

BRASIL

Ibope: 55% dos brasileiros não confiam em Bolsonaro, aponta pesquisa

Acjornal, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A mais recente pesquisa de opinião do Ibope, encomendada pela CNI, mostra que a popularidade do governo, a confiança e a aprovação da população na maneira que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) governa estão em queda.

A avaliação positiva (ótimo e bom) do governo era de 35% em abril, caiu para 32% em junho e agora está em 31%. A avaliação negativa (ruim e péssimo), por sua vez, subiu de 27% em abril para 32% em junho e em setembro chegou a 34%.

Os números serão divulgados oficialmente no fim da tarde desta quarta-feira (25/09/2019), Contudo, as informações foram adiantadas pelo colunista do jornal O Globo Lauro Jardim e confirmadas pelo Metrópoles.

Os que consideram o governo regular são 32% (eram 31% em abril e os mesmos 32% em junho). Os que não sabem ou não quiseram responder somaram 3%. Os que desaprovam a maneira de Bolsonaro governar já alcançou um percentual inédito — a metade da população, segundo o Ibope.

Metade dos entrevistados não aprovam a gestão (eram 40% em abril e 48% em junho). Aqueles que aprovam somam 44% (eram 51% e 46% nas pesquisas anteriores). Um total de 6% não quiseram responder.

Por fim, a confiança em Bolsonaro também retraiu. Os que disseram confiar no presidente foram 42% dos entrevistados. Em abril, esse percentual era de 51% (caiu para 46% em junho). Do outro lado, 55% disseram “não confiar” em Bolsonaro (eram 45% em abril e 51% em junho).

O Ibope ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios entre 19 e 22 de setembro. O levantamento anterior havia sido realizado de 20 e 26 de junho.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp Fale conosco