NOSSAS REDES

ACRE

Tite divulga “lista mais difícil” com Neymar, David Neres e Daniel Alves para a Copa América

Contilnet, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Tite anunciou, na manhã desta sexta-feira, “a lista mais difícil” de elaborar desde que assumiu o comando da seleção brasileira. Palavras do próprio treinador. Repleto de dúvidas no que diz respeito a lesões e surpresas de última hora, o técnico convocou a Seleção para a Copa América que será disputada no Brasil entre 14 de junho e 7 de julho.
Daniel Alves, Fernandinho e David Neres talvez sejam os maiores destaques. O lateral do Paris Saint-Germain volta à seleção depois de mais de um ano longe – a última convocação foi em março de 2018. O volante do Manchester City não era lembrado desde a Copa do Mundo do ano passado. E o atacante do Ajax ficou com a vaga que também tinha na disputa Vinicius Junior, do Real Madrid, e Lucas Moura, do Tottenham.

A propósito, 15 dos 23 convocados estiveram no Mundial da Rússia: Alisson, Ederson, Cássio, Alex Sandro, Marquinhos, Thiago Silva, Fagner, Filipe Luís, Miranda, Coutinho, Casemiro, Fernandinho, Firmino, Gabriel Jesus e Neymar.
Everton, do Grêmio, e a dupla Cassio e Fagner, do Corinthians, são os representantes de clubes brasileiros na lista. Ambos os times têm compromisso pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil: o Grêmio pega o Juventude no dia 29 de maio, e o Timão encara o Flamengo no dia 4 de junho. A ideia é que os atletas se apresentem à seleção somente depois dessas datas para, portanto, não desfalcarem suas respectivas equipes.
Antes do anúncio da lista, Edu Gaspar e Tite despediram-se de Sylvinho, que pertencia à comissão técnica da seleção brasileira e foi anunciado recentemente como treinador da seleção olímpica. Seu destino, no entanto, não foi revelado. Disseram apenas que o ex-jogador aceitou o convite de “um grande clube europeu”.
Os jogadores começam a se apresentar no dia 22, próxima quarta-feira, na Granja Comary, em Teresópolis. Antes de estrear na Copa América, a seleção brasileira fará dois amistosos: contra o Catar no dia 5, em Brasília; e contra Honduras no dia 9, no Beira-Rio.
O Brasil está no Grupo A da Copa América ao lado de Bolívia, Peru e Venezuela. A estreia será contra os bolivianos no dia 14 de junho, às 21h30 (de Brasília), no Morumbi.

Veja a lista completa:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Cássio (Corinthians) e Ederson (Manchester City)

Defensores: Alex Sandro (Juventus); Marquinhos, Thiago Silva e Dani Alves (PSG); Éder Militão (Porto), Fagner (Corinthians), Filipe Luís (Atlético de Madrid) e Miranda (Inter de Milão)

Meio-campistas: Allan (Napoli); Philippe Coutinho e Arthur (Barcelona); Casemiro (Real Madrid), Fernandinho (Manchester City) e Lucas Paquetá (Milan)

Atacantes: David Neres (Ajax), Everton (Grêmio), Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (PSG) e Richarlison (Everton)

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

PAPO DE ACADEMIA

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Mesmo considerando as academias como serviço essencial, “não é o momento de reabri-las” diz empresários de Feijó e Tarauacá. (mais…)

Continue lendo

ACRE

Mantida condenação de consumidor por litigância de má-fé

Gecom TJAC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Para os membros do órgão colegiado, ficou evidenciado que o consumidor alterou a verdade dos fatos no desígnio de receber indenização.

A Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Acre negou provimento ao recurso de apelação, interposto por um consumidor, em desfavor da empresa de telefonia do qual ele tinha contrato de serviço e teve o nome no cadastro de inadimplentes por falta de pagamento.

Para os membros do órgão colegiado, ficou evidenciado que o consumidor alterou a verdade dos fatos no desígnio de receber indenização e mantiveram a condenação por litigância de má-fé.

O autor do processo interpôs recurso de apelação contra sentença de primeiro grau por ter negado indenização por danos morais a ele em um ação declaratória de inexistência de débito.

Nos autos, o consumidor alegou não ter sido informado da mudança da conta pré-paga para a modalidade pós-pago. Mesmo com algumas faturas pagas, o consumidor esclareceu que jamais pagou fatura da conta e que desconhece quem tenha efetuado o pagamento. Ele relatou ainda que a inscrição do seu nome, por outras contas sem pagamento, em cadastro de inadimplentes, se mostra ilegal e indevida.

Por outro lado, a empresa apresentou que o contrato foi efetivamente celebrado em de março de 2016 e resultou da migração do usuário de um plano para outro, que houve pagamento de algumas faturas e que as contratações ocorrem por meio virtual, tendo o recorrente fornecido todos os seus dados.

Ao decidir pela manutenção da sentença de primeiro grau, a relatora do processo, desembargadora Regina Ferrari, entendeu que os conteúdos de telas de sistema interno da operadora servem como indicativo de que o contrato foi efetivamente celebrado entre as partes e que o relatório pormenorizado de chamadas originadas da linha telefônica é elemento de prova.

“A ausência de impugnação específica na réplica – sobre os fatos impeditivos apresentados e provados pela parte ré autoriza a conclusão de que o negócio realmente foi celebrado entre as partes, cuja falta de pagamento de algumas contas mensais justifica a existência da dívida e a inserção do nome do devedor no cadastro de inadimplentes”, diz trecho do voto.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

Grupos de notícias