NOSSAS REDES

ACRE

Uma greve com dias contados para nem começar: Sintesac já teria se entendido com governo

Folha do Acre, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Um movimento fraco
Nem mesmo começou a greve do setor da saúde no Acre e já tem dias para acabar. Algumas pessoas do próprio sindicato se queixando que a diretoria entrou fraca nas negociações.
Com data para nem começar
O movimento de greve decidido a vários dias será deflagrado hoje porém de forma fraca. Tudo indica que a diretoria já se entendeu com o governo. Complicado para a categoria.
Como?
O presidente do sindicato afirmou a esta colunista que a paralisação marcada para às 9 horas de terça-feira (2) estava mantida e que a categoria decidiria pela greve ou não. Como assim?
Sem essa
Obviamente que é bom ter cautela, principalmente em um começo de gestão onde o atual governo pegou um estado quebrado, mas o sindicato não pode ser um puxadinho do Executivo. Tem que ter pauta própria.
Dias contados
O secretário de Produção e Agropecuária, Paulo Wadt, tem os dias contados no governo estadual. Trombou de frente com tucanos de alta plumagem e vai descobrir como a banda toca no Acre.
Reclamações da SEE
Continuam as reclamações de que a Secretaria de Educação virou uma espécie de ‘casa da mãe Joana’ onde, segundo fontes, todo mundo manda mais que o secretário.
Eminência parda
Não é de hoje que pessoas de dentro da própria secretaria reclamam das ingerências da esposa do secretário Mauro Sérgio, que é uma espécie de eminência parda com amplos e astrotosféricos poderes.
Desanimador
A SEE é uma pasta importante demais para ficar sendo gerida de qualquer jeito. Complicado e desanimador este tipo de informação.

Não mostraram a que vieram
Alguns deputados estaduais ainda não mostraram a que vieram no que tange à defesa dos interesses do povo, mas se mostram ágeis em defesa do interesse próprio.
Nem disfarçam
Impressionante como nem disfarçam quando trabalham apenas em causa própria procurando em desespero as benesses da estrutura do Legislativo.

Esperando o governador
Tão logo terminou a coletiva de Gladson Cameli na manhã de segunda-feira (1) e na antessala se encontrava esperando com ansiedade o governador os atender os deputados Ghelen Diniz, Neném Almeida e Chico Viga.
Ghelen Diniz
Dos três, apenas Ghelen deveria ser presença mais comum na Casa Civil por ser o líder do governo.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat