NOSSAS REDES

ACRE

Agentes penitenciários prendem mulher ao entrar em presídio com ‘panela de farofa’

PUBLICADO

em

A visitante Alana Gabriele Mendonça da Silva, no último sábado, 09, tentou entrar no presídio Francisco de Oliveira Conde, com uma panela de farofa, recheada com maconha e uma caixa de som destinada ao companheiro presidiário.

O nome do presidiário não foi divulgado. O fato ocorreu quando os agentes detectaram através do raio-X a presença de maconha dentro da panela com farofa. A mulher foi presa em flagrante e conduzida à Delegacia de Flagrantes da capital, Rio Branco. 

O crime de levar drogas para presos é, indiscutivelmente, tráfico ilícito de entorpecentes, previsto no art. 33 da Lei 11.343/2006, inclusive com a causa de aumento do art. 40, III, da mesma Lei. O agente que transporta drogas para o interior de presídio, mesmo que seja para o consumo de quem ali está detido, está em atividade típica de traficante.

Afinal, o transportador da droga, que a leva consigo, atuando como carregador da droga, não a consome, razão pela qual não é considerado usuário, e sim traficante. 

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

REDES SOCIAIS

MAIS LIDAS

WhatsApp chat