NOSSAS REDES

GOVERNO GLADSON

Atendimentos ambulatoriais no Pronto Socorro de Rio Branco são suspensos novamente

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A secretaria de saúde do Acre Mônica Feres declarou na manhã desta segunda-feira (8) durante o programa “Fale com o Governador”, no Sistema Público de Comunicação, que determinou a suspensão dos atendimentos ambulatoriais no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb). De acordo com a gestora, os pacientes devem se deslocar às Unidades de Pronto Atendimento.

Os atendimentos ambulatoriais haviam sido retomados no início da gestão de Cameli, pelo ex-secretário Alysson Bestene. “Já mudei, não existe isso, antes de chegar ao Pronto Socorro eles precisam ser encaminhados. Existe um caminho a percorrer. Não serão atendidos mais no Pronto Socorro diretamente”, declarou salientando que, com os atendimentos emergências, serão mantidos normalmente.
A gestora mandou um recado à população, segundo ela, após a municipalização na saúde, os pacientes passarão a receber a visita de um agente de saúde para a realização do atendimento primário. “Vão chegar os agentes comunitários de saúde na casa das pessoas. A partir do atendimento nas Upas, deverão ser encaminhados aos postos de saúde para o atendimento”, enfatizou a gestora.

DESTAQUE

Governo promove 477 militares, entrega novo helicóptero, viaturas e equipamentos para a Segurança Pública

Promoção dos militares é um compromisso firmado pelo governo para a valorização do servidor público; ao todo, investimento em veículos, aeronave e equipamentos ultrapassa R$ 6 milhões.

O governador Gladson Cameli proporcionou nesta sexta-feira, 11, mais um dia histórico para a Segurança Pública ao promover 477 cabos para a patente de 3° sargento da Polícia Militar do Estado do Acre (PMAC). Valorizar os servidores públicos é um compromisso da atual gestão, assim como assegurar a excelência e qualificação dos profissionais que integram as forças policiais e são os responsáveis por salvaguardar a população.

Em seu discurso, Cameli enfatizou que estava orgulhoso e bastante emocionado, como governador, em poder contribuir de maneira positiva na carreira dos militares por meio das promoções. O governador lembrou, ainda, que o Acre vive um novo tempo de prosperidade e que o reaparelhamento das polícias é uma realidade. Gladson citou a chegada de mais um moderno helicóptero, a entrega de veículos e equipamentos que darão condições e suporte necessário para que os órgãos de Segurança Pública atuem no enfrentamento ao crime.

Governador Gladson Cameli não tem medido esforços para assegurar investimentos para a Segurança Pública do Acre Foto: Diego Gurgel/Secom

“Quero reafirmar aqui que o meu governo continuará sendo amigo da polícia. Que vamos nos dedicar até o último dia de nossa administração para que vocês possam usufruir de todas as condições necessárias para desempenharem seu trabalho com dignidade e com orgulho de serem policiais”, argumentou.

“E as promoções que ora recebem são parte deste compromisso. Significa que consideramos cada soldado, cada cabo, sargento ou oficial como verdadeiros guerreiros dispostos a defender a nossa sociedade. Resta-me então pedir a Deus que os proteja e que estas promoções possam renovar a chama do compromisso com a ordem pública e com a vontade de fazer o melhor por nossa população”, completou o governador Gladson Cameli.

Governador Gladson Cameli promoveu 477 militares ao posto de 3° sargento da PMAC Foto: Marcos Vicentti/Secom

O comandante-geral da Polícia Militar do Estado do Acre, coronel Ezequiel Bino, afirmou que a promoção de militares é sempre um momento importante para a corporação. Bino destacou o compromisso do governo estadual, mesmo diante da atual situação financeira, em honrar os novos sargentos e assegurar profissionais cada vez mais preparados para servir e proteger a sociedade acreana.

“O governo do Estado fez um esforço muito grande para honrar estas promoções e estamos vendo aqui 477 novos sargentos em todo o estado que passaram por uma capacitação para serem promovidos.Teremos policiais militares muito mais qualificados para atender a nossa população”, disse.

Comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ezequiel Bino, destacou esforço do governo do Estado para promover promoção de PMs Foto: Diego Gurgel/Secom

O evento realizado na Esplanada do Palácio Rio Branco contou ainda com a presença do secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Paulo Cezar Rocha dos Santos; do delegado-geral da Polícia Civil, José Henrique Maciel; da defensora chefe da Defensoria Pública Estadual (DPE/AC), Roberta de Paula Caminha; do presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC), desembargador Francisco Djalma; da desembargadora Denise Bonfim, da senadora Mailza Gomes, do deputado federal Alan Rick e da população.

Novas viaturas e equipamentos para as forças policiais

Durante a solenidade, o governador Gladson Cameli fez a entrega de 16 veículos para as polícias Militar e Civil e Corpo de Bombeiros. Foram disponibilizados 4,3 mil cartuchos de vários calibres, 594 novas fardas e equipamentos operacionais, além de mochilas especiais, armas, escudos balísticos e capacetes operacionais, totalizando R$ 2,1 milhões em investimentos.

As novas viaturas e equipamentos são frutos de convênios com o Ministério da Justiça, secretaria nacional de Segurança Pública (Senasp), Ministério Público do Trabalho(MPT) da 14° Região e emendas parlamentares. Por muito pouco, estes investimentos não foram perdidos. Graças ao empenho e dedicação da nova equipe de governo, a situação conseguiu ser revertida em benefício da população.

Milhares de equipamentos serão distribuídos para as forças policiais dos 22 municípios acreanos Foto: Diego Gurgel/Secom

Desde janeiro deste ano, significativos avanços já foram concretizados na Segurança Pública. Entre veículos e motocicletas, o governo já realizou a entrega de quase cem unidades para reforçar o policiamento em todo o estado. Até o fim de 2019, Cameli fará, de uma só vez, a entrega de 114 modernas caminhonetes.

Todos estes investimentos refletem positivamente na redução dos índices de violência. Segundo o secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Paulo Cezar Rocha dos Santos, o Acre é o terceiro estado do país que registrou a maior queda no número de homicídios em 2019.

Durante a solenidade, 16 novas viaturas policiais foram entregues para a Segurança Pública Foto: Diego Gurgel/Secom

“Estas viaturas e equipamentos vão otimizar muito as atividades do sistema de Segurança Pública. Conseguimos reduzir significativamente o número de crimes contra a vida e isso se deve aos investimentos que estão sendo feitos por parte do governo do Estado, que não tem medido esforços para conseguir os recursos necessários para reaparelhar as nossas polícias e dar uma dura resposta naqueles que insistem em desobedecer as nossas leis. Será desta maneira que seguiremos trabalhando para reduzir ainda mais os índices de criminalidade e trazer a paz de volta para a nossa sociedade”, observou o secretário.

Helicóptero Harpia 03

A chegada do novo helicóptero do governo do Estado do Acre, o Harpia 03, é mais um reforço de peso para a atuação do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). A cessão de uso da moderna aeronave por parte da Justiça Federal em São Paulo foi liderada pelo governador Gladson Cameli, que tratou o assunto com total prioridade.

“A chegada desse helicóptero mostra a seriedade do nosso governo e o compromisso que a nossa gestão tem com a população do nosso estado.Conseguimos esta aeronave a custo zero para os cofres públicos, aumentamos a nossa frota aérea e asseguramos mais um importante instrumento para combater o crime”, pontuou o governador.

Harpia 03(a esq.) é a mais aeronave adquirida a custo zero pelo governo acreano e que passa a integrar o Ciopaer Foto: Pedro Devani/Secom

Apresentada ao público, o helicóptero modelo AS 350 B2 (Esquilo) possui capacidade para transportar quatro passageiros e dois tripulantes. Este tipo de aeronave é a mais utilizada pelas forças de segurança em todo o país e será fundamental para a atuação do Grupamento Especializado em Fronteira(Gefron).

Por meio do patrulhamento aéreo, será possível intensificar a fiscalização e combate aos mais diversos crimes, sobretudo, o tráfico de drogas e armas nas regiões de fronteira com a Bolívia e o Peru. Bases permanentes serão montadas nos municípios de Assis Brasil, Brasileia e Epitaciolândia.

Ciopaer conta com dois helicópteros para a realização das mais diversas missões em todo o estado Foto: Marcos Vicentti/Secom

“O Harpia 03 será utilizado em apoio as ações do Gefron e este apoio aéreo é fundamental para identificar alvos e fazer toda a observação de fronteira que é necessária para uma boa atuação das forças terrestres em combate ao narconegócio”, explicou Paulo Cezar.

Em apenas dez meses, devido ao esforço do governador Gladson Cameli, a frota de aeronaves do Ciopaer triplicou. No início do ano, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) cedeu um avião bimotor Sêneca III com capacidade para sete passageiros e um tripulante que chegou ao Acre no fim de agosto e já está sendo utilizado nas mais diversas missões.

Continue lendo

DESTAQUE

Relatório aponta que governo do Acre está acima do limite de gastos com pessoal

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O governo do estado do Acre anunciou no Relatório de Gestão Fiscal os dados referentes às despesas e receitas do estado. No documento, os dados apontam que os gastos estão acima do Limite de Responsabilidade Fiscal, que é de 49%. O anúncio foi publicado na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira (30).

Os números referentes ao 2° quadrimestre mostram que o governo extrapolou a LRF em 6%, estando na casa dos 55,17% na receita líquida. Esses gastos são referentes aos pagamentos de servidores e pensionistas. Somente com pagamentos de pensões, por meio do Acreprevidência, o governo disponibiliza mais de R$ 45 milhões.

Os números mostram que o Acre gasta mensalmente com pagamentos de pessoal, mais de R$ 2,8 bi. Sendo que o permitido pela Lei é R$ 2,4 bi. Ou seja, o governo está gastando mais de R$ 400 milhões de reais acima do permitido.

Uma das medidas para que o governo equilibre os números de acordo com o permitido pela lei, é reduzir as despesas, principalmente, na constatação de novos cargos comissionados.

Continue lendo

Super Promoções

WhatsApp chat