NOSSAS REDES

ACRE

Com dívida de R$ 12 milhões, empresários querem R$ 200 mil por mês do Estado para manter Peixes da Amazônia

PUBLICADO

em

O governador do Estado do Acre em exercício, Nicolau Júnior, recebeu empresários e deputados estaduais para discutirem a viabilidade econômica do Complexo de Piscicultura Peixes da Amazônia S.A. O empreendimento público-privado, um dos maiores e mais modernos da Região Norte, tenta se reerguer e mostrar-se competitivo no promissor mercado do pescado nacional e internacional.

Durante reunião nesta quarta-feira, 27, os empresários manifestaram preocupação com a atual cenário financeiro do empreendimento. A dívida da Peixes da Amazônia está estimada em R$ 12 milhões, a maior parte em empréstimos bancários e dívidas trabalhistas.

Os investidores solicitaram um aporte financeiro mensal de R$ 200 mil por parte do Governo, em contrapartida, os empresários garantiriam outros R$ 100 mil para assegurar o pagamento de funcionários e a manutenção do empreendimento durante um ano.

Segundo o presidente do Conselho de Administração da Peixes da Amazônia, Beto Moretto, os recursos asseguram a continuidade da Peixes da Amazônia até o fim do processo de recuperação judicial que a empresa enfrenta.

De acordo com o presidente da Agência de Negócios do Acre (Anac), Inácio Moreira, empresários rondonienses já demonstraram interesse em investir no empreendimento após a conclusão dos trâmites jurídicos.

A intenção é que o pescado produzido no estado vizinho seja processado na Peixes da Amazônia e depois exportado para o Peru. Conforme Pereira, os peruanos já são clientes do empreendimento e têm grande interesse em ampliar o volume de compras.

Para Nicolau Júnior, o momento de unir forças para salvar a Peixes da Amazônia. O governador em exercício disse estar empenhado em buscar alternativas viáveis e pediu o apoio dos demais parlamentares.

“Uma das bandeiras do novo Governo é o agronegócio e tenho certeza que o governador Gladson Cameli está sensível a esta causa. Temos que estar unidos nesta causa porque aquele investimento dando certo é bom para o desenvolvimento do Acre e vamos trabalhar para que isto aconteça”, pontuou.

Comentários

Comente aqui

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

REDES SOCIAIS

MAIS LIDAS

WhatsApp chat