NOSSAS REDES

POLÍCIA

Em Porto Walter, policiais militares tiram serviços de 24 horas e prefeitura banca alimentação de policial civil

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Até o dia 1° de agosto só havia um policial civil em Porto Walter onde vivem mais de 12 mil pessoas, por isso nem sempre a Delegacia de Polícia funciona a tarde. Nos finais de semana a delegacia fica fechada e a PM já teve que liberar preso porque não havia onde e para quem entregar.

Agora, como a prefeitura pagou o deslocamento e banca a alimentação, outro policial civil foi de Cruzeiro do Sul e passou a reforçar o quadro na cidade.

Mas para trabalhar os dois policiais contam apenas com uma moto, que aprendida, foi cedida pela justiça, para que a Polícia Civil de Porto Walter, possa se locomover.

O agente Cruz conta que, apesar de Porto Walter ter um delegado responsável, no caso o Dr. Obetânio, ele nunca esteve lá fora do período eleitoral, quando é obrigatória a presença de uma autoridade policial.

Da Cruz espera que, no término do curso de formação de policiais, em novembro, “pelo menos 5 civis sejam enviados para a cidade. Nós precisamos de uma viatura e mais gente com urgência”.

A Polícia Militar de Porto Walter tem viatura, mas faltam homens e estrutura física adequada. São 10 policiais, sendo que só 7 são fixos. Os demais são de Cruzeiro do Sul e se revezam a cada 30 dias. O quadro deficitário faz com que a escala de serviço dos PMs seja de 24 horas, e não 12, como é o comum. E cada serviço é tirado apenas com uma dupla.

Para o subcomandante, subtenente Marcos Dória, “deveria haver no mínimo 15 homens aqui porque, a cada serviço seriam 3 homens e não apenas 2 e a escala seria de 24 horas”, ressalta.

Já o quartel da PM atualmente é o térreo de um prédio, onde também funciona a Câmara Municipal de Porto Walter.

Comentários

Comente aqui

Acompanhe em tempo real

Diretor da Energisa culpa bandeira tarifária e maior consumo por aumento

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

A Câmara Municipal de Rio Branco promove na manhã sexta-feira (4) uma audiência pública com a presença do representante da Energisa para que a empresa preste esclarecimentos sobre os aumentos na conta de energia em Rio Branco. Na ocasião, o diretor da empresa, Ricardo Xavier, voltou a dizer que não existe aumento de tarifa nas contas de energia elétrica e sim de consumo.

“Vim aqui responder questionamento de qualquer dúvida que tiverem, tentar esclarecer assim como eu fiz na Assembléia, no Ministério Público. Não tem aumento de tarifa, o que você tem é a inserção das bandeiras tarifárias que acontece em alguns meses, dependendo da designação da Aneel, é normal”, explicou Xavier.

O diretor  se defende e diz que não afirmou que os ventiladores consomem mais energia do que os aparelhos de ar condicionado. “Não procede, eu não falei essa frase de forma alguma, eu estava tentando explicar uma situação em que um ar condicionado no período quente, ele consome mais para o mesmo trabalho do que num período frio. Comparei ventilador e ar condicionado porque que o ventilador gasta mais por você utiliza ele mais horas por dia. Se alguém disse isso, ou quem publicou isso, fez de forma errônea”, destacou.

O debate conta com a presença de diversas instituições de fiscalização e representantes da sociedade civil organizada, deputados estaduais, como o presidente da Comissão Parlamentar de inquérito (CPI), Daniel Zen (PT), diretor André Gil do Procon e representantes da defensoria pública do Acre.

 

Continue lendo

ACRE

Polícia Militar de Cruzeiro do Sul apreende menor com 5 armas de fogo

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

No final da tarde desta terça-feira, 1, a guarnição GIRO da Polícia Militar de Cruzeiro do Sul, em patrulhamento no Trapiche, bairro da Lagoa, apreendeu um menor com cinco armas de fogo e munição.
A equipe  fazia ronda no local quando viu o menor em atitude suspeita, que ao perceber a aproximação da guarnição policial, empreendeu fuga em direção a uma residência, onde foi alcançado pela equipe.

De acordo com o comandante do 6° Batalhão, Major Evandro Bezerra, informações da inteligência policial identificaram antecedência criminal do menor, “que pertencente  a uma  organização criminosa que atua naquele local

Continue lendo

Super Promoções

WhatsApp chat