NOSSAS REDES

POLÍCIA

Em Porto Walter, policiais militares tiram serviços de 24 horas e prefeitura banca alimentação de policial civil

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Até o dia 1° de agosto só havia um policial civil em Porto Walter onde vivem mais de 12 mil pessoas, por isso nem sempre a Delegacia de Polícia funciona a tarde. Nos finais de semana a delegacia fica fechada e a PM já teve que liberar preso porque não havia onde e para quem entregar.

Agora, como a prefeitura pagou o deslocamento e banca a alimentação, outro policial civil foi de Cruzeiro do Sul e passou a reforçar o quadro na cidade.

Mas para trabalhar os dois policiais contam apenas com uma moto, que aprendida, foi cedida pela justiça, para que a Polícia Civil de Porto Walter, possa se locomover.

O agente Cruz conta que, apesar de Porto Walter ter um delegado responsável, no caso o Dr. Obetânio, ele nunca esteve lá fora do período eleitoral, quando é obrigatória a presença de uma autoridade policial.

Da Cruz espera que, no término do curso de formação de policiais, em novembro, “pelo menos 5 civis sejam enviados para a cidade. Nós precisamos de uma viatura e mais gente com urgência”.

A Polícia Militar de Porto Walter tem viatura, mas faltam homens e estrutura física adequada. São 10 policiais, sendo que só 7 são fixos. Os demais são de Cruzeiro do Sul e se revezam a cada 30 dias. O quadro deficitário faz com que a escala de serviço dos PMs seja de 24 horas, e não 12, como é o comum. E cada serviço é tirado apenas com uma dupla.

Para o subcomandante, subtenente Marcos Dória, “deveria haver no mínimo 15 homens aqui porque, a cada serviço seriam 3 homens e não apenas 2 e a escala seria de 24 horas”, ressalta.

Já o quartel da PM atualmente é o térreo de um prédio, onde também funciona a Câmara Municipal de Porto Walter.

ACRE

Mulher esfaqueia homem em bar na Vila Nova, em Rio Branco

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Um homem de aproximadamente 40 anos, identificado como Edilson, conhecido pelo apelido de “Cabecita” foi esfaqueado por uma mulher que bebia com ele em um bar nas proximidades da rotatória no final da Estrada das Placas, no bairro Vila Nova.

Durante a bebedeira eles teriam se desentendido e de posse de uma faca a mulher desferiu golpes que atingiram o homem nas costas e no ombro. Ele foi atendido pela ambulância 01, de suporte avançado, do Serviço Móvel de Urgência (Samu) e acusada conseguiu se evadir do local.

DIARIO DO ACRE

Continue lendo

ACRE

Droga é encontrada com mulheres em penitenciária de Rio Branco

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Durante uma revista de rotina no pavilhão feminino da penitenciária Dr, Francisco d’Oliveira Conde, em Rio Branco, agentes penitenciários encontraram na tarde desta terça-feira (17), em uma das celas, 35 trouxinhas de pasta básica de cocaína. Oito detentas foram encaminhadas até a Delegacia de Flagrantes (Defla) para o registro de mais esse crime em seus processos.

FONTE DIARIO DO ACRE

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias