NOSSAS REDES

Saúde Pública

Em Tarauacá, Gladson Cameli entrega equipamentos médicos para hospital e maternidade

Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Foto de capa: Governador entregou diversos equipamentos médicos e de escritório para o Hospital Dr. Sansão Gomes e a Maternidade Ethel Muriel Geddis (Foto: cedida)

Em visita a Tarauacá na manhã desta sexta-feira, 1, o governador Gladson Cameli realizou a entrega de diversos equipamentos médicos e de escritório para o Hospital Dr. Sansão Gomes e a Maternidade Ethel Muriel Geddis.

São kits para pequenas cirurgias, curetagem uterina, cateterismo umbilical, tesouras cirúrgicas, mesas, desfibrilador, centrífuga laboratorial, berço pediátrico e dezenas de outros equipamentos, desde necessidades básicas para o bom atendimento, até bebedouro industrial e materiais de escritório.

O governador aproveitou a visita para destacar que determinou à área de saúde do Estado que uma equipe faça uma verificação de todas as unidades hospitalares do Acre, organizando relatórios de necessidades e infraestrutura.

O objetivo é poder definir um plano para contratação de especialistas médicos, fornecer remédios e melhorar as condições de atendimento principalmente nos hospitais do interior, para que seja economizado com o serviço de Tratamento Fora de Domicílio (TFD), cujo gasto chega a quase R$ 500 mil por mês.

https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/03/WhatsApp-Image-2019-03-01-at-08.14.30-1-800x600.jpg?resize=740%2C555

Estado precisou decretar estado de calamidade pública na saúde do Acre, mas se esforça para reverter o quadro (Foto: cedida)

Ainda assim, Gladson Cameli relembra que a situação da saúde do Acre foi entregue de maneira dramática, exigindo um decreto de situação de calamidade pública dos serviços por falta de profissionais. Conforme o decreto, existe “grave comprometimento” da execução dos trabalhos oferecidos pela saúde estadual por conta da insuficiência de profissionais para atendimento da demanda.

O que fizeram com nossa saúde foi um crime. Tudo onde nós olhamos, encontramos erros. Resumindo a história: temos que começar do zero. Eu estou determinando a realização todas as mudanças possíveis. Mas eu preciso da paciência do povo. Eu sei que a saúde não pode esperar. Isso me dói o coração”, conta o governador. Por Agência de Notícias/AC.

No seu perfil no Instagram, Cameli afirmou “Começamos o nosso dia no município de Tarauacá para realizarmos a entrega de diversos equipamentos médicos e de escritório para o Hospital Dr. Sansão Gomes e a Maternidade Ethel Muriel Geddis. Determinei que uma equipe faça uma verificação de todas as unidades hospitalares do Acre, organizando relatórios de necessidades e infraestrutura. O nosso objetivo é poder definir um plano para contratação de especialistas médicos, fornecer remédios e melhorar as condições de atendimento principiante nos hospitais do interior, para que seja economizado com o serviço de Tratamento Fora de Domicílio (TFD)“.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Começamos o nosso dia no município de Tarauacá para realizarmos a entrega de diversos equipamentos médicos e de escritório para o Hospital Dr. Sansão Gomes e a Maternidade Ethel Muriel Geddis. Determinei que uma equipe faça uma verificação de todas as unidades hospitalares do Acre, organizando relatórios de necessidades e infraestrutura. O nosso objetivo é poder definir um plano para contratação de especialistas médicos, fornecer remédios e melhorar as condições de atendimento principiante nos hospitais do interior, para que seja economizado com o serviço de Tratamento Fora de Domicílio (TFD). #governadorgladsoncameli #saúde #Tarauacá #desenvolvimento #acre

Uma publicação compartilhada por Gladson Cameli (@gladsoncameli) em

 

BEM-ESTAR

Hospital de Sena ganha aparelho de ultrassonografia

Senaonline.net, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Jairo Casiano diretor do hospital do município de Sena Madureira recebeu na manhã de hoje uma equipe especializada da empresa PHILIPS. Para instalar o novo equipamento de ultrassonografia na unidade de saúde, a nova ferramenta disponibiliza de recursos tecnológicos para atender com mais precisão e eficácia a comunidade do terceiro maior município do estado.

De acordo com o diretor da unidade este aparelho irá ajudar detectar com mais precisão as doenças que necessitam de cuidados, assim os médicos plantonistas terão um diagnostico real.

Jairo Casiano afirmou ainda que as famílias carentes residentes na cidade e no interior não terão, mas que irem para clínicas particulares para a realização desses exames, Jairo Casiano agradeceu ao empenho do governador Gladson Cameli e ao deputado Alan Rick pelo esforço em reaparelhar a unidade e oferecer uma saúde de melhor qualidade a nossa comunidade, Jairo afirmou ainda que as emendas destinadas pelo deputado federal Alan Rick serão responsáveis pela nova reforma e ampliação que deverá iniciar ainda este ano, finalizou.

A gestão do novo diretor vem surtindo efeito dentro da unidade, tendo em vista que todos os servidores estão unidos com o mesmo proposito que é oferecer uma saúde mais digna a comunidade.

Continue lendo

Saúde Pública

Nova secretária de saúde tem como desafio melhorar atendimento no Pronto Socorro

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Um dos principais desafios da médica Mônica Feres, anunciada ontem,  4, pelo governador Gladson Cameli, como a nova secretária estadual de saúde, é melhorar o atendimento na maior porta de entrada de urgência e emergência do Acre.

O Pronto Socorro da capital se tornou o calcanhar de aquiles na gestão de saúde. Em nenhuma outra unidade de saúde há tanta reclamação na qualidade do atendimento. Isso, quando se consegue o atendimento.

Diariamente são muitas reclamações de falta de médicos, medicamentos e super lotação do hospital. Vídeos e fotos mostram pacientes espalhados pelos corredores do Pronto Socorro.

Um outro grande entrave a ser resolvido é a permanência ou não do atual diretor do hospital, Welber de Lima.

A atual gestão, comandada por Welber, vive em meio a um fogo cruzado com a falta de especialistas nas escalas, denúncias de plantões pagos de forma indevida e o descontentamento dos médicos, que Welber já afirmou serem os principais responsáveis pelos problemas da unidade de saúde.

Existem pacientes na ortopedia, por exemplo, que estão com mais de 70 dias internados aguardando uma cirurgia.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco