NOSSAS REDES

EDUCAÇÃO

Instituto TIM seleciona mais de 30 projetos para programa de empreendedorismo universitário

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O programa de empreendedorismo universitário, Academic Working Capital (AWC), do Instituto TIM, acaba de selecionar 34 projetos para sua quinta edição. Os escolhidos são alunos de 27 faculdades de seis estados do Brasil e do Distrito Federal e participarão de diversas rodadas de workshops, recebendo orientação de negócios e recursos financeiros, para apresentam seus produtos a investidores e especialistas no final do ano.

Agronegócios, saúde, economia, design, sustentabilidade, reciclagem, cultura, arquitetura, educação, bem-estar e até moda são temáticas dos projetos selecionados, oriundos de Trabalhos de Conclusão de Curso (TCCs) dos universitários. Participam equipes de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Amazonas e Ceará.

Nesta edição do programa, a participação das universitárias é mais expressiva, resultado da parceria do AWC com organizações como Rede Mulher Empreendedora e Meninas Digitais. Das 34 equipes selecionadas, nove são lideradas por mulheres, o que vai ao encontro dos resultados encontrados por recentes pesquisas sobre o empreendedorismo feminino no Brasil. Em 2018, segundo dados da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), o Brasil registrou a sétima maior participação de mulheres entre os empreendedores iniciais: 24 milhões de brasileiras estavam à frente de um empreendimento ou realizavam alguma ação para ter o seu próprio negócio.

“Foram centenas de inscritos para a edição 2019 do AWC, o que nos deixa entusiasmados e orgulhos com o reconhecimento do programa. Os projetos selecionados são bem variados, vão desde controle de iluminação externa de LEDs para uso em veículos até inteligência artificial para prever infecção hospitalar. Temos excelentes perspectivas e já iniciamos o cronograma com os workshops e orientação”, conta Diogo Dutra, coordenador do AWC.

Desde 2015, cerca de 300 estudantes já participaram do Academic Working Capital e, pelo menos, 17 startups foram constituídas. O programa oferece apoio financeiro, técnico e de negócios para ideias inovadoras de estudantes em fase final de graduação que possuem seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) voltado para uma solução tecnológica ou de inovação.  No fim do ano, eles participam de uma Feira de Investimentos e podem apresentar suas soluções para profissionais do mercado e investidores. (Amanda Salviano – TIM Brasil)

EDUCAÇÃO

Prefeita Marilete determina celeridade nas obras do futuro Colégio Militar de Tarauacá

Assecom - Prefeitura de Tarauacá, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Na manhã desta quarta-feira (11), a Prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino, realizou uma visita à escola 15 de junho e observou o andamento das obras. Quando estiver pronto, será dotado de quadra de esportes, biblioteca, laboratório de informática, além de oito amplas salas de aula.

O Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura de Tarauacá, irá envidar todos os esforços para que as aulas no Colégio Militar se iniciem agora já em 2020 para os estudantes que desejarem essa modalidade de ensino.

Para tornar o colégio militar uma realidade, será concretizada uma parceria entre o governo e a prefeitura, onde esta assumirá a conclusão das obras da Escola 15 de Junho, localizada no km 14 (sentido Tarauacá/Feijó). Será uma escola modelo, que oferecerá toda a infraestrutura aos alunos”, disse a Prefeita Marilete Vitorino.

 

 

Continue lendo

ACRE

Evento na UFAC: Projeto de cooperação internacional estuda biodiversidade na Amazônia Ocidental

Assessoria, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Na quarta-feira (11 de setembro), será realizado o lançamento do Projeto Prodigy “Process‐based & Resilience‐Oriented management of Diversity Generates sustainability”, às 10 horas, no Parque Zoobotânico (PZ), na Universidade Federal do Acre (Ufac). Representantes de instituições de pesquisa, ensino e organizações não governamentais do Brasil, Peru, Bolívia e Alemanha vão desenvolver pesquisas sobre os diferentes usos da terra e a sustentabilidade ambiental, econômica e social na região da Amazônia Sul-Ocidental na tríplice fronteira denominada MAP – Madre de Deus (Peru), Acre (Brasil) e Pando (Bolívia).

Com duração de três anos, as ações vão avaliar a dinâmica em constante transformação entre a natureza e a sociedade na região do MAP. No Brasil, os estudos serão realizados na Reserva Extrativista Chico Mendes; na Bolívia, na região da Reserva Nacional de Vida Silvestre Amazónica Manuripi e no Departamento Madre de Dios, no Peru na Reserva Nacional Tambopata. 

O projeto PRODIGY é financiado pelo Ministério Federal Alemão de Educação e Pesquisa (BMBF) e coordenado pela Universidade Koblenz-Landau em conjunto com mais cinco universidades alemãs. São parceiros do projeto a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Ufac, Instituto de Mudanças Climáticas do Acre, além de universidades do Peru e da Bolívia. A construção da proposta começou em 2015 e já foram realizados diversos encontros e reuniões entre os parceiros.

Segundo um dos coordenadores do projeto, professor Oliver Frör, da Universidade de Koblenz-Landau, os resultados das ações de pesquisas formarão uma base sólida de conhecimento sobre o cenário dos potenciais e limites dos recursos naturais na região MAP. “A ideia é que as informações científicas possam mostrar alternativas de desenvolvimento sustentável para a região MAP e que as populações locais tenham elementos adicionais para decidir sobre as suas estratégias econômicas e ambientais em tempos de rápidas transformações socioeconómicas e ambientais”, afirma.

Serviço:

O que: Lançamento do projeto Prodigy de cooperação científica entre Alemanha, Brasil, Peru e Bolívia

Quando: Quarta-feira, 11 de setembro

Horário: 10 horas

Onde: Parque Zoobotânico, Ufac

Site: www.uni-koblenz-landau.de

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias