NOSSAS REDES

ACRE

Policial Civil é acusado de invadir casa e agredir odontólogo e a esposa grávida

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Uma confusão na noite do último domingo entre o policial civil Elton Gurgel e um odontólogo foi acabar na Delegacia de Polícia.
Segundo conta no Boletim de Ocorrência registrado pelo odontólogo Cassius Clay Hassem Maciel, era domingo por volta das 20 horas quando chegada em sua residência vindo com a esposa grávida de cinco meses, Daisiane Dutra Hassem e dois filhos menores E.H.D. e Y.H.D. quando um grupo de pessoas bebia na casa de frente a sua. Entre elas dois policiais civis (um deles não identificado) que foram tomar satisfação quando ele colocou o seu cachorro para dentro dando umas “sandalhadas”.

Ao presenciar o fato, o policial civil se incomodou e afirmou: “ei vagabundo, vem bater em mim ao invés de bater no cachorro”.
Cassius afirmou que explicou que apenas estava disciplinando o animal. A esposa, ao tentar intervir, foi empurrada pelo policial Elton Gurgel a empurrou e afirmou que o odontólogo estava preso. Ao afirmar que estava em uma gravidez de risco, o policial teria dito: “pra mim não importa se você tá grávida sua vagabundo, você está sendo conivente”.

Não se dando por satisfeito, segundo a denúncia, Elton Rangel ao saber que a vítima disse que iria até a delegacia agrediu Cassius com vários socos.

O odontólogo afirma no BO que foi agredido e humilhado na frente da esposa grávida e dos dois filhos.
Um vídeo enviado ao ac24horas mostra parte da confusão. Nas imagens é possível ver o Policial Civil com um copo de cerveja e discutindo com a esposa de Cassius.
O caso vai ser conduzido pelo delegado José Luis Tonini.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat