NOSSAS REDES

ACRE

PT do Acre diz que Acre está sem direção com Gladson no governo, critica Ney Amorim e cita suposta perseguição a servidores públicos

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Dirigentes do PT do Acre se reuniram nesta quinta-feira, 28, na sede do partido, no Bairro Morada do Sol, em Rio Branco, para definir algumas das pautas prioritárias da legenda após as eleições de 2018 e reafirmar a linha de oposição ao governo de Gladson Cameli.

A resolução política do diretório do partido expõe críticas ácidas à gestão de Gladson Cameli ao afirmar que há uma “sensação de que o Acre está sem direção”.

“Tal a incapacidade de gestão demonstrada até aqui. Os municípios do interior são os mais afetados, faltando desde água nas torneiras até responsáveis nas repartições, passando pela carência de médicos, desmonte das estratégias de atendimento no PS e o retorno das filas de matrículas na educação.”

De acordo com o PT, há 
uma guerra interna pela divisão dos espaços do governo Gladson inviabilizando o pleno funcionamento do Estado”.

O partido dos irmãos Jorge e Tião Viana acusa o atual governo de perseguir servidores. “Há perseguição cega aos servidores públicos de carreira, alegando que os mesmos são “petistas” e contribuíram nas gestões anteriores, esquecendo-se por completo que, no exercício de suas funções publicas, estes prestam serviços ao Estado e para o povo, independente de qual grupo politico está no governo.”

“A crise econômica que asseverávamos durante o pleito, sob a qual vivia o Acre, foi ignorada de forma irresponsável pela aliança vitoriosa. Para ganhar votos do povo, a oposição valeu-se de promessas inexequíveis, acompanhadas do bordão “Dinheiro tem, o que falta é Gestão””, afirma a resolução.

O PT vê total equívoco do atual governo na aposta da soja como um dos pilares para a economia rural local.

“Pela falta de conhecimento ou pela simples omissão, não falam ao povo que essa monocultura só pode ser implementada em uma pequena faixa de terra acreana localizada na região do Vale do Alto Acre, que possui condições de solo e relevo que possibilitam o plantio em escala, necessário para a obtenção de lucro.”

 No texto da resolução política, o Partido dos Trabalhadores cita também o ex-deputado petista Ney Amorim como um oportunista: “Aproveitamos para repudiar as atitudes oportunistas do ex-deputado Ney Amorim, que depois de ter todas as oportunidades dadas pelo PT durante sua vida política, nos traiu no processo eleitoral, constituindo alianças espúrias na briga cega pelo poder”.

 Crítica a Bolsonaro

 Para o PT do Acre, o cenário do país comandado por Jair Bolsonaro “é muito preocupante”.

“A onda conservadora que elegeu Bolsonaro presidente do Brasil trouxe consigo uma agenda de retirada de direitos da classe trabalhadora, como a reforma da previdência, inviabilizou a continuidade de programas sociais fundamentais para a garantia de dignidade aos mais pobres, como o “Mais Médicos” e o “Minha Casa, Minha Vida”, acentuou o ataque às minorias étnicas e expôs uma disposição da elite nacional de ajoelhar-se perante os interesses do mercado e do poderio econômico e militar norte-americano.”

A resolução cita ainda os escândalos envolvendo a família Bolsonaro, desde o uso de laranjas à suposta aliança com milícias do Rio de Janeiro.

Fonte/Site: Notícias da Hora.

ACRE

Atendimento da OCA em RIO BRANCO-AC deixa a desejar

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O YacoNews recebeu denúncia de que o atendimento na OCA na Capital de RIO BRANCO-AC, está deixando a desejar, principalmente as pessoas que vao do interior.

Uma estudante formada em 2018 está tentando retirar seu certificado de 2°grau já há algum tempo. Por quatro vezes, com gastos com translado de ída e volta, se dirigiu a OCA e ainda não conseguiu seu certificado validado (com carimbos dos órgãos competentes). Na última ída a OCA, pela 4°vez, recebeu nada mais ou a menos, a simples justificação de que não foi possível confeccionar seu diploma, por conta de que houve um atraso por conta de um feriado, mas que tinha sido agendada sua ída na confirmaçao de receber.

Podemos observar que o setor da OCA nao tem compromisso eficiente com a população, principalmente quem vai do interior. Nisso as pessoas têm despesas com translados, refeições, estadia, perda de tempo… mesmo com agendamento.

Seria viável um setor tão sério como o da OCA, ter mais eficiência com os munícipes vizinhos. E obedecer seu agendamento com êxito, seriedade e compromisso.

YACO NEWS

Continue lendo

ACRE

SENA: Acusado de matar desafeto na frente da mulher e dos filhos é condenado a mais de 32 anos de prisão

Senaonline.net, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Levado a julgamento na última sexta-feira, 20, Fernando Cavalcante da Silva foi condenado a uma pena de 32 anos, 10 meses e 26 dias de prisão. Ele é um dos acusados no assassinato de Tiago Lima de Souza, 30 anos, ocorrido no ano passado em Sena Madureira.
Presidido pelo juiz de direito, Fábio Farias (Vara Criminal), o júri-popular começou por volta de 8 horas da manhã. Ao longo do dia, testemunhas prestaram depoimentos e depois houve o debate entre a promotora Juliana Hoff, do Ministério Público, e o advogado de defesa do réu. Embasada nas provas, a promotora pediu ao corpo de jurados a condenação do acusado.
Conforme o apurado pela Polícia, Tiago Lima de Souza foi morto em maio de 2018, no Bairro da Vitória. Ao menos sete criminosos, entre maiores e menores de idade, arrombaram a residência e executaram a vítima na frente dos filhos e da esposa.
Pelo o que ficou estipulado pela justiça, a pena deverá ser cumprida inicialmente em regime fechado.

JUSTIÇA DE SENA ATUA COM RIGOR

No decorrer da semana foram realizados no Fórum de Sena Madureira um total de três julgamentos, tratando de crimes contra a vida. Em todos eles os réus foram condenados a penas consideradas expressivas. Isso é a prova inconteste de que, nem a comunidade nem a justiça, não são coniventes com esse tipo de prática.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias