NOSSAS REDES

ACRE

Acre tem 15 casos suspeitos de reinfecção por coronavírus em três cidades

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A Saúde do Acre investiga 15 casos suspeitos de reinfecção pelo novo coronavírus em três cidades do estado. São 13 casos suspeitos em Rio Branco, capital acreana, um em Capixaba e outro em Senador Guiomard, no interior. Alguns desses pacientes estão assintomáticos e fazem o tratamento em casa.

No último dia 30, o Ministério da Saúde divulgou uma nota técnica com as informações e regras que devem ser seguidas para identificar os casos de reinfecção. Vão ser considerados casos suspeitos de reinfecção:

  • Resultados positivos de RT-PCR, que é a coleta de secreção do nariz ou garganta, também conhecido como Swab, com intervalo de 90 dias entre os episódios de infecção respiratória;
  • Análise da primeira e da segunda amostra bem conservadas.

Amostras de testes rápidos e de sangue não são usados na investigação. Casos em que a primeira amostra não for encontrada ou não tiver bem conservada não vão ser investigado.

A avaliação inicial é feita pelo banco de dados da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), em parceria com o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), que tem as amostras armazenadas.

Essas amostras devem ser encaminhadas, ainda sem data marcada, para o Laboratório Evandro Chagas, em Belém. É de lá que vai sair a conclusão se o caso é ou não reinfecção.

“O laboratório vai fazer a análise e me dizer se realmente é ou não caso de reinfecção. Começamos a verificar alguns casos suspeitos em outubro, mas, precisávamos da nota técnica do Ministério da Saúde. A partir da nota que conseguimos identificar com a diferença de dias, que tem que ter no mínimo uma diferença de 90 dias do primeiro para o segundo teste, e partir daí vamos enviar as amostras para o laboratório de referência”, explicou o epidemiologista da Sesacre, Marcos Lima.

Conforme o boletim da Sesacre, divulgado nesta terça-feira (17), o Acre tem 33.475 infectados pelo novo coronavírus. Há ainda na fila de análises 307 exames. Já o total de vidas perdidas para a Covid-19 é de 709.

Casos suspeitos

Os casos suspeitos foram identificados até o momento em cinco homens, com idades entre 29 e 47 anos, e dez mulheres, entre 29 e 52 anos. Lima acrescentou que toda quarta-feira é feito um relatório com dados do banco da Sesacre para identificar novas suspeitas de reinfecção.

“Identificamos esses 15 e mandamos a lista para o Lacen para verificar as amostras. Precisa ter as duas amostras bem conservadas, se tiver, vamos preencher uma ficha para o Ministério da Saúde e encaminhar para o laboratório de referência”, concluiu.

Comentários

Comente aqui

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat