NOSSAS REDES

ACRE

Incêndios em prédios de Rio Branco aumentaram em 20% em um ano, diz Corpo de Bombeiros

G1AC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O balanço revela que de 1º de janeiro a 12 de março de 2018 foram registrados 60 ocorrências. No mesmo período deste ano o número subiu para 72

Dados do Corpo de Bombeiro do Acre mostram que o número de incêndios em edificações aumentaram em 20% no período de um ano em Rio Branco. O balanço revela que, do dia 1º de janeiro a 12 de março de 2018, foram registrados 60 ocorrências.

No mesmo período deste ano, os casos aumentaram para 72. Um dos últimos casos registrados foi o incêndio no centro comercial do Calçadão Benjamim Constant, em Rio Branco, na quinta-feira (7). O fogo atingiu oito lojas, sendo que duas ficaram destruídas.

Em entrevista ao Jornal do Acre 2ª edição, o major Cláudio Falcão, da assessoria do Corpo de Bombeiros, falou que a maioria dos incêndios são causados por problemas elétricos, que incluem fiação mal redimensionada, mal uso e falta de manutenção.

“Em segundo lugar temos a má utilização do fogo, como a instalação de botijas, vazamentos de mangueiras, mangueiras vencidas e esquecimento de panelas ao fogo. Tudo isso causa acidentes. Temos uma terceira causa que são os incêndios criminosos, que são recorrentes na nossa capital como no estado todo”, acrescentou Falcão.

O incêndio no centro comercial iniciou em uma loja e se espalhou para as demais. Para evitar um estrago maior, o Corpo de Bombeiros precisou agir rápido e evitar um dano maior.

Manutenção

Um dos cuidados principais que podem evitar os incêndios, segundo o major, é a manutenção nos estabelecimentos. O bombeiro explicou que é necessário fazer manutenção em casas, prédios comercias e habitacionais no período de cinco anos.

“De 15 a 20 anos é necessário que haja uma substituição dessa fiação, uma vez que a carga elétrica deve ter aumentado nesse período e a fiação começa a ressecar. Com essa manutenção evita que tenha um acidente”, garantiu.

Mesmo que após esses cuidados e alerta aconteça um incêndio, o primeiro passo é ligar para o Corpo de Bombeiro, no 193, e pedir socorro. Nunca se deve, segundo o major, agir sozinho e tentar evitar o socorro dos bombeiros.

“Não retardar o socorro porque dessa maneira teremos mais chance de não deixar o fogo se alastrar”, confirmou.

Comentários

Comente aqui

ACRE

Atendimento da OCA em RIO BRANCO-AC deixa a desejar

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O YacoNews recebeu denúncia de que o atendimento na OCA na Capital de RIO BRANCO-AC, está deixando a desejar, principalmente as pessoas que vao do interior.

Uma estudante formada em 2018 está tentando retirar seu certificado de 2°grau já há algum tempo. Por quatro vezes, com gastos com translado de ída e volta, se dirigiu a OCA e ainda não conseguiu seu certificado validado (com carimbos dos órgãos competentes). Na última ída a OCA, pela 4°vez, recebeu nada mais ou a menos, a simples justificação de que não foi possível confeccionar seu diploma, por conta de que houve um atraso por conta de um feriado, mas que tinha sido agendada sua ída na confirmaçao de receber.

Podemos observar que o setor da OCA nao tem compromisso eficiente com a população, principalmente quem vai do interior. Nisso as pessoas têm despesas com translados, refeições, estadia, perda de tempo… mesmo com agendamento.

Seria viável um setor tão sério como o da OCA, ter mais eficiência com os munícipes vizinhos. E obedecer seu agendamento com êxito, seriedade e compromisso.

YACO NEWS

Continue lendo

ACRE

SENA: Acusado de matar desafeto na frente da mulher e dos filhos é condenado a mais de 32 anos de prisão

Senaonline.net, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Levado a julgamento na última sexta-feira, 20, Fernando Cavalcante da Silva foi condenado a uma pena de 32 anos, 10 meses e 26 dias de prisão. Ele é um dos acusados no assassinato de Tiago Lima de Souza, 30 anos, ocorrido no ano passado em Sena Madureira.
Presidido pelo juiz de direito, Fábio Farias (Vara Criminal), o júri-popular começou por volta de 8 horas da manhã. Ao longo do dia, testemunhas prestaram depoimentos e depois houve o debate entre a promotora Juliana Hoff, do Ministério Público, e o advogado de defesa do réu. Embasada nas provas, a promotora pediu ao corpo de jurados a condenação do acusado.
Conforme o apurado pela Polícia, Tiago Lima de Souza foi morto em maio de 2018, no Bairro da Vitória. Ao menos sete criminosos, entre maiores e menores de idade, arrombaram a residência e executaram a vítima na frente dos filhos e da esposa.
Pelo o que ficou estipulado pela justiça, a pena deverá ser cumprida inicialmente em regime fechado.

JUSTIÇA DE SENA ATUA COM RIGOR

No decorrer da semana foram realizados no Fórum de Sena Madureira um total de três julgamentos, tratando de crimes contra a vida. Em todos eles os réus foram condenados a penas consideradas expressivas. Isso é a prova inconteste de que, nem a comunidade nem a justiça, não são coniventes com esse tipo de prática.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp WhatsApp Notícias