NOSSAS REDES

POLÍTICA

Ministros do STF dizem que caso Lula ‘precisa decantar’ e descartam liberdade em 2018

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Beco sem saída O imbróglio em torno de eventual concessão de prisão domiciliar para Lula fez com que ministros do STF favoráveis à medida passassem a vê-la como inadequada. O pedido instalou um embate entre advogados do petista. Nesse clima, magistrados que viam a alternativa com bons olhos já descartam a hipótese de o ex-presidente ir para casa neste ano. Se a decisão viesse antes da eleição, seria avaliada como gesto para colocá-lo na disputa. Depois, como manobra para deixá-lo fora do páreo.

Sintomático Os ministros do Supremo também avaliam que a repercussão da decisão do juiz federal Rogerio Favreto, que mandou soltar Lula em um domingo de plantão no TRF-4, assustou integrantes do STJ. A corte vai analisar um recurso especial do petista.

Longo inverno O enredo indica que Lula tem poucas chances de deixar a carceragem da PF neste ano pelas mãos de tribunais superiores. O caso dele “precisa decantar” e o ideal seria deixar a discussão para meados de 2019, dizem os ministros do STF.

Nem aí Programada para começar dia 31, a greve de fome de militantes pela libertação de Lula não deve impactar o Supremo. Integrantes da corte apostam que a manifestação não terá apelo.

Por garantia Diante da indefinição do PSB, a direção do PT estuda deixar brecha na resolução que vai oficializar a candidatura de Marília Arraes ao governo de Pernambuco no dia 2.

Nota promissória Petistas dizem que há possibilidade de registrar no documento que o partido pode retirar o nome dela da disputa caso o PSB, no dia 5, decida pelo apoio nacional aos petistas.

Xará A lista de candidatos do MDB de SP assustou alguns integrantes do partido. Na relação dos que vão disputar vaga à Câmara estava Marta Livia Barragana Fernandes Suplicy.

Xará 2 Houve quem pensasse que se tratava da senadora Marta Suplicy, que estuda concorrer à reeleição, e não de homônima que atua como presidente da Liga das Mulheres Eleitoras do Brasil.

RG Para evitar que o eleitor faça a mesma confusão, a candidata será registrada nas urnas apenas como Marta Livia.

Pega a senha Em meio à indefinição sobre a vaga de vice, aliados de Jair Bolsonaro (PSL) colocaram o nome de Frederico D’Avila no páreo. Ex-assessor do tucano Geraldo Alckmin e diretor da Sociedade Rural Brasileira, ele hoje planeja concorrer a deputado.

No estômago Aliado próximo de Bolsonaro, o deputado Fernando Francischini (PSL) foi um dos que mais se irritou com o fato de o presidente em exercício do PSL, Gustavo Bebianno, ter desaconselhado o presidenciável a ir à Cúpula Conservadora das Américas.

Perdeu Como o capitão reformado acatou a opinião, o ato que estava marcado para este sábado (28) foi adiado.

Olhai além Dirigentes da Rede dizem que as conversas da pré-candidata à Presidência Marina Silva com Ciro Gomes (PDT) e Álvaro Dias (Podemos) têm como objetivo estabelecer ambiente favorável a uma aproximação e bases para apoios no segundo turno.

Amanhã talvez Nem Marina nem o pedetista falam em aliança no primeiro turno.

Ranger de dentes Antes de se afastar da campanha de João Doria (PSDB), o economista Roberto Giannetti, alvo da Operação Zelotes, falou com o tucano. Estava muito abalado. Painel/Folha SP.

Comentários

Comente aqui

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat