NOSSAS REDES

ACRE

Na fase vermelha, Acre ultrapassa os 49 mil casos de Covid-19 e confirma mais três mortes nesta terça (2)

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Os casos de Covid-19 continuam subindo no estado e chegaram a 49.049 nesta terça-feira (2). São 229 novos registros nas últimas 24 horas, quando o estado tinha 48.820. O número de mortes também subiu para 876, com mais três novos registros.

Com 98% de ocupação de leitos em todas as unidades de saúde do Acre, o Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 antecipou a divulgação dos dados de classificação de risco e colocou o estado na fase de emergência, representada pela cor vermelha. O Acre está investigando ainda seis casos suspeitos da nova variante.

O número de exames de RT-PCR à espera de análise pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou pelo do Centro de Infectologia Charles Mérieux é de 585. Pelo menos 43.852 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 197 pessoas seguem internadas.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência de e 5.483 casos para cada 100 mil habitantes e a de mortalidade é de 97,9 para o mesmo grupo. Já a letalidade é de 1,8%.

Dos 75 leitos de UTI nos hospitais da rede SUS disponibilizados, 61 estão ocupados, fazendo a taxa de ocupação na UTI ficar em 81,3%. Os leitos de UTI estão concentrados em Rio Branco, com 55 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 20.

Mortes por cidade

Cidades com óbitosÓbitos totaisNovos registros
Acrelândia140
Assis Brasil90
Brasiléia250
Bujari80
Capixaba80
Cruzeiro do Sul760
Epitaciolândia220
Feijó300
Jordão10
Mâncio Lima160
Manoel Urbano30
Marechal Thaumaturgo60
Plácido de Castro110
Porto Acre210
Porto Walter20
Rio Branco5513
Rodrigues Alves70
Santa Rosa do Purus30
Sena Madureira170
Senador Guiomard170
Tarauacá140
Xapuri140
Total8763

Números e mortes

 

Das 876 mortes registradas, 558 apresentavam algum tipo de comorbidade, segundo a Saúde, e 318 das vítimas não tinham outras doenças. Do total de mortos, 529 eram homens e 347 mulheres. Do total de vítimas, 617 tinham acima de 60 anos.

As mortes confirmadas neste boletim são dois homens e uma mulher, sendo todos moradores de Rio Branco.

Rio Branco

 

A primeira vítima é um homem de 56 anos, Ele era morador de Rio Branco, deu entrada no dia 29 de dezembro de 2020 no Hospital Santa Juliana e faleceu no dia 28 de janeiro de 2021.

O segundo óbito é um homem de 52 anos. Ele era morador de Rio Branco, deu entrada no dia 8 de janeiro no Hospital Santa Juliana e faleceu no dia 30 de janeiro.

A última morte que aparece é uma mulher de 53 anos. Ela era moradora de Rio Branco, deu entrada no dia 28 de janeiro no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC) e faleceu nessa segunda (1º).

Maiores taxas de contaminação a cada 10 mil habitantes:

 

  • Assis Brasil – 1.221
  • Xapuri – 1.151
  • Tarauacá – 872
  • Mâncio Lima – 788
  • Sena Madureira – 673

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat