NOSSAS REDES

ACRE

Polícia começa a ouvir testemunhas de suposto estupro praticado pelo Mister Teen Acre

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Após a confirmação do registro de Boletim de Ocorrência na Delegacia Especializada da Mulher (Dean) por parte da jovem que acusa o Mister Teen Acre Rafael Berlim de estupro, a polícia civil começa a ouvir as testemunhas do caso. Em depoimento à delegada Elenice Frez, a jovem A.V. de 19 anos, repetiu o que já tinha contado nas por meio de um áudio nas redes sociais.

Ela relatou que estava participando de um “rolê” e que ao sentir sono foi dormir em um dos quartos da casa. Ao acordar sentindo dor, percebeu que Rafael estava tentando penetrá-la. Afirmou ainda que mesmo com a recusa, o acusado continuou com a prática sexual e a jovem só conseguiu se livrar com muita dificuldade.

Reafirmou ainda que se trancou no quarto após o ocorrido e só abriu a porta para uma amiga para quem relatou tudo que havia acontecido. De acordo com a mulher, ao sair do quarto, o acusado teria pego em sua mão, pedido desculpas e afirmado que tinha vindo de uma festa e que o ocorrido foi porque estava muito “chapado”.

Após prestar depoimento, a jovem fez exame de corpo delito no IML e também recebeu atendimento na Maternidade Bárbara Heliodora. Os dois procedimentos são necessários em casos de suspeita de estupro.

A delegada Elecine Frez afirmou, via assessoria da polícia civil, que só pretende se manifestar oficialmente após a conclusão do inquérito. No entanto, adiantou que já começou a ouvir as testemunhas do caso e aguarda o laudo pericial do Instituto Médico Legal.

O prazo do término da investigação para que o inquérito seja enviado à justiça é de 30 dias. A coordenação do concurso Miss Teen Acre destituiu Rafael Berlim do título assim que as acusações foram divulgadas.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat