NOSSAS REDES

ACRE

Polícia prende três por tráfico de drogas na periferia de Rio Branco

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Agentes do Núcleo de Capturas da Polícia Civil (Necap) e da Terceira Delegacia de Polícia Civil cumpriram um mandado de busca e apreensão e prenderam na tarde desta quinta-feira (23), em flagrante na rua 6 de maio, no bairro Boa União, Rilvan Silva Evangelista, de 28 anos, Taiane Barbosa Silva, 25 anos, e Mateus da Silva, de 23 anos. Eles são acusados de tráfico de drogas e organização criminosa.
A apresentação dos presos aconteceu na manhã desta sexta-feira (24) na Delegacia da 3° Regional na Baixada da Sobral.
Na ação da Polícia na casa de Rilvan, foi apreendido 300 gramas de cocaína pura, algumas munições, carregador de pistola, uma carta aberta em que as pessoas estariam planejando um roubo grande, balança de precisão, aparelhos celulares e matéria para confecção da droga.
“Foi um trabalho de investigação das equipe da Delegacia de Polícia Civil da 3° Regional, que estavam fazendo um levantamento de informações de pessoas que estavam eventualmente traficando drogas, na área da baixada da sobral, e após as investigações nós conseguimos representar pelo mandado de busca e apreensão junto a 4° Vara Criminal, os agente conseguiram verificar que as pessoas presas são membros de uma organização criminosa”, disse o Delegado Karlesso Nespoli.
Rilvan já tem passagens pela justiça pelo crime de homicídio, porte ilegal de arma de fogo. Mateus tem passagem por porte ilegal de arma de fogo, estava sendo monitorado por tornozeleira, mas continuava cometendo os crimes. Já a Tatiane é a convivente do Rilvan. Ela ajudava e auxiliava a ocultar esses materiais.
O trio foi encaminhado a Delegacia de Flagrantes (Defla) está a disposição da justiça e aguarda a audiência de custódia

ACRE

Terça-Feira Quente E Seca No Acre

Acrenoticias.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

No Acre, tempo bom, quente e ensolarado, mas ventilado. Pequena probabilidade de ocorrem chuvas rápidas e pontuais em algumas áreas.
A umidade do ar mínima, durante a tarde, varia, entre 40 e 60%, no leste e no sul do estado, e, entre 45 e 65%, nas demais áreas.
Os ventos sopram, entre fracos e moderados, da direção noroeste e eventuais variações do norte.

Temperaturas:

– Rio Branco, Senador Guiomard, Bujari e Porto Acre,mínima, entre 19 e 21ºC, e máxima, entre 32 e 34ºC;

– Sena Madureira e Manuel Urbano, mínima, entre 19 e 21ºC, e máxima, entre 32 e 34ºC;

– Brasileia, Epitaciolândia, Assis Brasil, Xapuri e Capixaba,mínima, entre 18 e 20ºC, e máxima, entre 32 e 34ºC;

– Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Porto Walter, mínima, entre 20 e 22ºC, e máxima, entre 33 e 35ºC;

– Marechal Thaumaturgo e Jordão, mínima, entre 18 e 20ºC, e máxima, entre 33 e 35ºC;

– Tarauacá, Feijó e Santa Rosa do Purus, mínima, entre 19 e 21ºC, e máxima, entre 33 e 35ºC;

– Acrelândia e Plácido de Castro, mínima, entre 18 e 20ºC, e máxima, entre 32 e 34ºC

Continue lendo

ACRE

Rio Branco é segunda capital com maior número de condutores que usam celular ao volante

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O Ministério da Saúde divulgou um estudo em que aponta que 19,5% da população das capitais do país usam o celular enquanto dirigem. Rio Branco ficou acima da média nacional, aparecendo em segundo lugar, junto com Cuiabá com 24% entre os condutores que mais usam o celular no trânsito, atrás apenas de Belém, com 24,1%.

Pessoas com idade entre 25 e 34 anos representam 25,1% do total de pessoas dirigem e usam celular. Os dados foram divulgados pelo Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), foram entrevistadas por telefone 52.395 pessoas, com mais de 18 anos, entre fevereiro e dezembro de 2018.

Estudo foi divulgado nesta segunda/Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

As capitais que apresentaram o menor percentual de uso de celular durante no trânsito foram: Salvador com 14,2%, Rio de Janeiro com 17,2%, São Paulo com 17,4% e Manaus com 18,0%. A pesquisa abordou ainda três outros índices: direção e consumo abusivo de álcool; direção e consumo de qualquer dose de álcool e multa por excesso de velocidade.

Distrito Federal, Fortaleza e Porto Alegre foram as capitais em que o maior número de entrevistados afirmou ter recebido multa por excesso de velocidade, com 15,7%, 14,6% e 14,2% respectivamente. Do outro lado da tabela o destaque fica com a Região Norte, das 5 capitais com menores índices de multas, 4 são da região: Manaus (0,9%); Macapá (2,7%); Belém (5,9%); Campo Grande (7,0%) e Porto Velho (7,1%).

Já no quesito álcool e direção, os homens são os campeões em beber e dirigir. Dos 5,3% dos entrevistados que admitiram beber e dirigir, 9,3% são homens e somente 2% mulheres. A capital com maior número de condutores que consumiram bebida alcoolica e dirigiram foi Palmas, com 14,2% e a com menor número foi Recife, com 2,2%.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco