NOSSAS REDES

GOVERNO MARILETE VITORINO

Prefeita Marilete começa a surpreender com ações, reduz críticas e aumenta apoio popular

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Enquanto a maioria dos prefeitos acreanos sofrem com baixa popularidade, Prefeita Marilete surpreende e parece iniciar um novo ciclo em sua gestão, intensificando ações, obras e elevando a popularidade do seu governo.

Tarauacá é um pequeno município do interior do Acre, com uma população estimada de 41.976 mil pessoas, segundo dados do IBGE em 2018. É o quarto município mais populoso do estado.

POLÍTICA E RELIGIÃO

Em 2010, o Censo do IBGE afirmou que 24.831 mil tarauacaenses se auto declararam católicas, 7.331 mil pessoas se auto declararam evangélicas, e 24 pessoas espíritas. Esses dados dizem muito quanto ao perfil político do cidadão tarauacaense.

Segundo dados de 2018, divulgados pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Tarauacá tem 25.576 mil eleitores ativos. Sendo 12.491 (48,84%) mil eleitorado feminino, e 13.085 (51,16%) mil eleitorado masculino. O município é o 4º maior colégio eleitoral do estado. 

Por tradição secular, o catolicismo sempre esteve de mãos dadas com a política, no mundo e em Tarauacá. Ao contrário dos protestantes ou evangélicos, que possuem rasa tradição histórica na política.

A FÉ NO SUBTERRÂNEO MUNDO DA POLÍTICA 

Esse eleitorado católico-cristão do município de Tarauacá parece muito ativo politicamente. Há uma espécie de enraizamento de uma cultura participativa focada nos assuntos políticos-administrativos locais.

Em Tarauacá, política e religião é assunto comum, e todos veem com muita naturalidade a participação de padres, pastores ou dirigentes religiosos no mundo da política. Não havendo pecado algum no exercício da atividade político/partidária ou no subterrâneo mundo da política. 

A terra do abacaxi gigante é considerada por todos como a cidade que mais se discute política no Acre, sendo comum ouvir em roda de conversa sobre o futuro político do município.

O FANTASMA DA GUILHOTINA

Marilete quer frutos do secretariado, alguns dos quais continuam ainda cambaleantes, sem ações e sem resultados práticos.

Nos bastidores, o ´fantasma da guilhotina´ continua rondando os secretários que ainda não renderam bons frutos. Marilete já avisou que observa o trabalho de todos, e que poderá cortar na ´raiz´, se preciso for.

A única forma de conjurar esse ´fantasma´ é a união dos secretários numa ´santa aliança´, para vencer os desafios e mostrar resultados concretos.

´ESPELHO, ESPELHO MEU, TEM ALGUÉM MAIS REJEITADO DO QUE EU?´

´Sim, tem sim Prefeita´ – responde o espectro que mora dentro do espelho.

A Prefeita Marilete não se decidiu se concorrerá à reeleição em 2020. Pelo contrário, já avisou que não quer conversar sobre o assunto, e a ordem é trabalhar.

Queira ou não, Marilete continua sendo a preferida na disputa, e com as maiores e melhores chances de reeleição. Embora não faça alarido em cima dessas circunstâncias, mas é fato que possui as melhores condições dentre os possíveis pré-candidatos.

A razão é simples: todos os ex-gestores de Tarauacá tem altíssima rejeição – Esperidião Júnior, Vando Torquato, Jasone Ferreira, Moisés Diniz, Rodrigo Damasceno, Chagas Batista, Chico Batista, e tantos outros. A rejeição não é exclusiva de Marilete.

NOME CORROÍDO

Quem se apresenta prematuramente como pré-candidato também sofre desgaste imediato. Ninguém sai ileso ou impune ao divulgar o nome como possível candidato a prefeito.

Exemplo disso foi um comerciante local que ostentou, por alguns dias, seu nome como pré-candidato. A enxurrada de críticas foi intensa: ´careiro´, ´explorador´, ´avarento e apegado ao dinheiro´, foram as expressões mais gentis proferidas nos bastidores contra o empresário.

Em Tarauacá, o desgaste político-eleitoral é natural. E a popularidade ou rejeição são transitórias.

PARA ELA, QUANTO MAIS, MELHOR.

Nesse contexto, Marilete pode sim ser reeleita, e tornar-se Prefeita novamente. Inclusive, quanto mais candidatos, melhor para a alcaide do município.

Quando alguém vai falar sobre política para Marilete, a mesma diz que não vai falar desse assunto, que sua pretensão é arrumar a cidade. Marilete não está nem um pouco preocupada com quem se diz pré-candidato.

RASPANDO O FUNDO DO TACHO

Marilete recebeu o município com dívidas de mais de R$ 8 milhões, mas conseguiu pagar. Porém, sofreu desgaste: ficou descapitalizada e inviabilizada de concluir algumas obras e realizar novos investimentos. O que refletiu negativamente no seu capital político nos anos de 2017 e 2018.

Além de dívidas com empresas e fornecedores, Marilete tenta resolver várias ações trabalhistas, dívidas de precatórios e fornecedores, deixadas pelas gestões anteriores.

Com a ´raspa´ do fundo do tacho, Marilete faz reforma de escolas da zona urbana e rural, melhoramento de algumas vias urbanas, dentre outras ações pontuais. 

´UM PRA MIM, DOIS PRA TI´

Quem não se lembra do fato muito aplaudido, quando um ex-prefeito de Tarauacá aprovou um projeto de lei que aumentava para dois salários mínimos, o salário dos servidores da prefeitura.

Naquela época, a nova lei foi recebida com aplausos. Ocorre, todavia, que o então gestor não conseguiu cumprir a referida lei que ele próprio sancionou. O então prefeito nunca pagou os dois salários que prometera.

Quem cumpriu foi Marilete, após assumir; sabendo da lei, colocou em prática, e está pagando os dois salários mínimos aos servidores municipais.

O ex-gestor, fez um cálculo inverso aquele feito no desenho do Pica-Pau: ´Dois pra mim, um pra ti; Três pra mim, dois pra ti´. Resultado: Marilete teve de aprender amargamente como lidar com uma folha de pagamento extrapolada.

GESTÕES CORRUPTAS

A lista de falcatruas envolvendo os nomes de ex-prefeitos é extensa. E é conhecida da Justiça Cível, Criminal e Eleitoral. Seja na Justiça Comum, seja na Justiça Federal. Basta consultar os nomes dos envolvidos no sistema de segurança pública ou da Justiça.

Poderia aqui citar cada uma dessas falcatruas, barbeiragens e crimes praticados por ex-prefeitos de Tarauacá, secretários, assessores e apadrinhados políticos. Mas não é nosso propósito, no momento.

GOSTO RUIM 

Não se houve falar em corrupção na gestão de Marilete, que é firme quando trata a coisa pública. Marilete é honesta, e o sabor da honestidade não agrada todos os paladares.

A Excelentíssima Senhora Prefeita é tão honesta, que beira ser ´sovina´. Até as instalações do gabinete da Prefeita são simplórias, e o café servido é terrivelmente ruim. No STF é servido vinho, lagosta e caviar. Na gestão de Tião Viana (PT), o gasto com alimentação na Casa Civil era superior à R$ 50 mil por mês.

Entretanto, caro leitor, Marilete nunca atrasou salários de servidores, e paga em dia, maior exemplo disso são os servidores terceirizados, que nunca na história de Tarauacá receberam em dia; em outras épocas ficavam até quatro meses sem receber, e hoje no final do mês está na conta.

Ela paga todo mundo direitinho, mas o café servido é ruim (verdade seja dita).

´QUANTO MAIS BURACOS, MELHOR PRA NÓS´ – PENSA A OPOSIÇÃO

O que a oposição à Marilete mais quer é a permanência da buraqueira. ´Quanto mais buracos, melhor´ – é o pensamento predominante da oposição. 

Nos bastidores, comenta-se que Marilete está tranquila, porque vai conseguir asfaltar as ruas de Tarauacá, e eliminar a principal reclamação dos tarauacaenses. 

Se asfaltar as principais ruas, Marilete projeta-se como candidata imbatível e preferencial no pleito de 2020, porque no seu governo não há nódoas. Não há nenhuma ação ou ocorrência considerada desonrosa ou que prejudique a reputação da prefeita.

NAVIO-HOSPITAL

A aquisição da Unidade Básica de Saúde Fluvial, denominado Navio Dezinho, é a realização de um sonho para Tarauacá, e mérito da Prefeita Marilete que diligenciou as tratativas para sua aquisição com prioridade.

O navio-hospital está nas águas em direção ao município de Tarauacá, que será o 1º município do Acre a possuir; isso é mérito de Marilete.

A embarcação conta com consultório médico e odontológico, recepção, laboratório, sala de procedimentos, farmácia, sala de vacina, cabines para os profissionais de saúde, cozinha e banheiros.

CARTEIRA DE TRABALHO, INSS DIGITAL E REGULARIZAÇÃO DE DÍVIDAS COM A CEF

A população de Tarauacá precisava se deslocar até o município vizinho, Feijó, para emitir Carteira de Trabalho – CTPS. Hoje, a própria Prefeita de Tarauacá realiza o procedimento.

Também foi implantado no inicio da gestão de Marilete, o INSS digital, que tem facilitado a vida das pessoas.

Além disso, no âmbito de atenção aos servidores municipais, Marilete regularizou dívidas de servidores com a Caixa Econômica Federal, em razão de servidores que celebravam contrato de empréstimo com a Caixa (CEF), e a PMTK não repassava os pagamentos.

Geral

Trecho da Avenida Epaminondas recuperado ganha nova galeria pluvial

A Prefeitura de Tarauacá continua com o programa de recuperação da infraestrutura danificada que incluem ruas centrais e bairros da cidade.

As ações têm o objetivo de garantir o tráfego de qualidade para os condutores de veículos e pedestres. O trecho mais crítico da Avenida Epaminondas Jácome que se encontrava em situação quase que intrafegável já foi recuperado.

E já nesta sexta feira, 24, a Secretaria de Obras iniciou a construção de uma galeria que vai canalizar as águas provindas do alto do Bairro de Copacabana e do Aeroporto.

A galeria vai também escoar as águas pluviais facilitando a drenagem e evitando problemas causados pelas chuvas.

Outras ações desempenhadas pela Secretaria de Obras são os serviços de manutenção e limpeza dos espaços públicos. Coleta diária do lixo, roçada, capina poda e limpezas

Continue lendo

Brasília

Em Brasília, Prefeita Marilete cumpre agenda e prioriza captação de recursos para Tarauacá

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Durante toda esta semana, a prefeita Marilete Vitorino cumpre extensa agenda em Brasília, onde realiza visitas aos ministérios e se reúne com deputados federais e senadores em busca de recursos para investimentos nas áreas de saúde, infra-estatura urbana e esporte.

Na reunião com os senadores do Acre, Sérgio Petecão e Mailza Gomes, a prefeita requisitou recursos dos parlamentares pra reconstruir Tarauacá, principalmente na infra-estatura urbana.

Para Marilete essas agendas com os parlamentares são de fundamental importância para garantir recursos.

Estamos buscando recursos para as obras e projetos que são importantes para fazer com que a cidade volte a se desenvolver em todas as áreas”, explicou a prefeita Marilete Vitorino.

Continue lendo

VOTE NA ENQUETE

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco