NOSSAS REDES

Magistratura

Presidente da Asmac comemora o alcance da Meta 1 pela Câmara Criminal

Avatar

PUBLICADO

em

O presidente da Associação dos Magistrados do Acre (Asmac), desembargador Luís Camolez, comemorou a notícia do cumprimento da Meta 1 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) pela Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), chegando a julgar 2.380 processos em 2018. O resultado é referente ao julgamento de 100% das ações que entraram no órgão no mesmo ano e mais 143 casos referente a 2017.

Segundo Camolez, o resultado demonstrou o comprometimento dos colegas com o Poder Judiciário e com os jurisdicionados que deseja celeridade em todos os casos.

“É preciso comemorar, porque demonstra que o nosso Tribunal se apresenta comprometido em analisar todos os casos quando provocado pelas partes envolvidas nas ações”, afirmou.

O presidente da Asmac parabenizou ainda os desembargadores Samoel Evangelista, Pedro Ranzi, Francisco Djalma e Elcio Mendes, que compõem a Câmara Criminal, que apresentaram empenho, dedicação e responsabilidade.

“Acredito que os maiores responsáveis pelos resultados são aqueles que buscaram todos os meios possíveis para que a meta fosse alcançada, então é preciso comemorar todo o empenho e, ao mesmo tempo, afirmar que a celeridade não prejudicou o andamento do processo, oferecendo todos os prazos previstos as partes”, disse.

A Câmara Criminal recebeu apenas em 2018 um total de 2.237 processos, sendo que todos foram julgados, tendo ainda reduzido o estoque referente a 2017, que possuía 393 ações que aguardavam decisão. Assessoria. 

JUSTIÇA

Desembargador-presidente acompanha virtualização dos inquéritos policiais dos casos de violência doméstica

Gecom TJAC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Em apenas três dias de trabalho, a equipe de 17 servidores conseguiu digitalizar 1.331 inquéritos policiais.

O presidente do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), desembargador Francisco Djalma, visitou nesta quinta-feira, 11, na Escola do Poder Judiciário Acreano (Esjud), equipe que está realizando a virtualização dos inquéritos policiais dos casos de violência doméstica da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de Rio Branco.

Na ocasião, tanto o presidente do TJAC quanto a desembargadora Eva Evangelista, responsável pela Coordenadoria Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário Acreano, agradeceram o envolvimento dos 17 servidores com o trabalho.

A equipe, composta por cinco servidores da Justiça do Acre, seis da DEAM, um servidor Instituto de Assistência e Inclusão Social (IAIS) do Estado, e cinco policiais da Assessoria Militar do TJAC (Asmil), tinha digitalizado 1.331 inquéritos em apenas três dias de trabalho. Ao todo são seis mil inquéritos que estão sendo virtualizados.

O trabalho está sendo realizado por meio de uma linha de montagem, dividida em três grupos: os que fazem a higienização dos inquéritos, retirando grampos, clipes e sujeiras que os documentos possam conter; os que virtualizam os papeis; e, por fim, a equipe que cadastra os inquéritos no sistema.

Para o presidente do TJAC, desembargador Francisco Djalma, o processo visa garantir agilidade e dar resposta às vítimas desse tipo de violência, além de permitir que a experiência seja levada para outras delegacias.

“É uma preocupação do Tribunal a proteção das mulheres e esse trabalho agilizará os inquéritos para não ocorrer impunidade. É importante essa atuação para que possamos levar a virtualização para outras áreas, como dos inquéritos de homicídios”, disse o presidente.

Ao final da visita, a desembargadora Eva Evangelista ratificou a importância do envolvimento de todos. “Esse trabalho é possível pelo envolvimento do presidente com a causa e também porque todos que estão aqui acreditam que é possível. Mas, ainda teremos mais trabalho e contamos com a parceria e disposição de todos para conseguirmos”, comentou a decana da Corte de Justiça Acreana.

Continue lendo

JUSTIÇA

Desembargadora Eva Evangelista participa de capacitação para policiais sobre o Patrulha Maria da Penha

Gecom TJAC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Patrulhamento é destinado, exclusivamente, a atender mulheres vítimas de violência doméstica.

A coordenadora Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário Acreano, desembargadora Eva Evangelista, fez uma visita, nesta quinta-feira, 11, aos policiais, no Comando-Geral da Polícia Militar, que passam por capacitação para atuar na Patrulha Maria da Penha.

O patrulhamento em questão é destinado, exclusivamente, a atender mulheres vítimas de violência doméstica. São viaturas que serão acionadas, via CIOSP, aos chamados do Botão da Vida – aplicativo destinado à mulher em medida de proteção.

O projeto, de iniciativa do Governo do Estado, com a parceria direta do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), tem por objetivo disponibilizar maior segurança às vítimas e fazer com que os agressores não violem as medidas determinadas pela Justiça.

Em seu pronunciamento, a desembargadora Eva Evangelista destacou a cooperação entre as instituições e voltou a frisar sobre a atenção especial voltada à política para mulheres.

“Fico feliz em ver esse projeto crescendo. O Poder Judiciário Acreano tem atuado bastante para combater a violência doméstica. Vamos fazer todos os esforços, não somente para cumprir metas, mas resolubilidade dos problemas”, disse a desembargadora.

Na oportunidade, a desembargadora entregou o troféu Guardiãs da Vida à primeira-dama do Estado, Ana Paula Cameli, como forma de agradecimento de toda Rede de Proteção por sua contribuição para o rompimento dos ciclos de violência.

 

A primeira-dama do Estado agradeceu e ressaltou que, “as instituições unidas podem alcançar e mudar a realidade do Estado”, na questão de violência doméstica.

O comandante-geral da Polícia Militar, tenente-coronel Mário Cesar finalizou a reunião garantindo que os policiais estão se preparando para prestar o melhor serviço.

Continue lendo

VOTE NA ENQUETE

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco