NOSSAS REDES

Feijó

Ranking das queimadas em setembro: Feijó registra 176

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Feijó segue liderando o ranking de queimadas no Acre, com registro de 176 focos de calor acumulados neste mês de setembro. Sena Madureira (168); Rio Branco (100) e Tarauacá (96) aparecem na sequência.

Santa Rosa do Purus é o que menos queima no Acre. O acumulado de setembro é de apenas dois focos de calor até agora. Porto Walter (3) e Jordão (4) são os que disputam a parte final do ranking junto com Santa Rosa. Os dados são da Secretaria de Estado do Meio Ambiente.

Ao longo de 2019 já foram registrados 4.492 focos, ficando abaixo dos anos de 2005, 2010 e 2016 segundo dados do satélite de referência, o Aqua Tarde, do Inpe.

ACRE

Dia C: Sicoob Acre entrega mais de dois mil kits em comunidades carentes da capital e interior do Estado

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Apesar da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no estado, a Cooperativa de Créditos e Investimentos do Acre (Sicoob Acre) participou neste sábado, 4, do Dia de Cooperar, ou Dia C, atividade desenvolvida pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB). Direcionada em ações de combate à doença neste período, a instituição financeira entregou de forma gratuita mais de dois mil kits de higiene e proteção, com máscaras e álcool em comunidades carentes da capital e interior.

Celebrada sempre no segundo sábado de julho, a data este ano tem como tema “Atitude simples movem o mundo” realizada nos 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal. No estado, a ação do Sicoob Acre atendeu diversos bairros de Rio Branco, Acrelândia, Brasileia e Cruzeiro do Sul. Para evitar aglomerações, as entregas foram feitas pelos próprios colaboradores da entidade de forma individual nos bairros em que eles moram e os próximos.

O Dia C é marcado por diversas ações focadas na responsabilidade social em áreas da saúde, educação, lazer e meio ambiente promovidas pelos sete ramos de cooperativismo atuantes no país, incluindo o cooperativismo de crédito. A ideia é transformar a realidade social de milhares de comunidades por meio da prestação de serviços. Neste ano, as iniciativas já praticadas pelo Sicoob Acre foram ligadas ao novo coronavírus com estímulo a continuidade delas mesmo após o evento.

Presidente do Sicoob Acre, José Generoso explica que duas etapas foram desenvolvidas. “Cooperação Vem à Casa” e “Pilares e Atuação com o Compromisso Social” reuniram todas as cooperativas do estado para desenvolver iniciativas como arrecadações de alimentos e doações financeiras para atender pessoas carentes, além de ajudar instituições do ramo que tenham sido afetadas e correm risco de extintas com direcionamento para os colaboradores e seus familiares.

“O maior compromisso do Sicoob Acre não é o lucro, mas sim ofertar um retorno social positivo e concreto nas comunidades onde estamos inseridos. Neste ano, distribuímos kits de proteção com álcool em gel e máscaras. Também ofertamos orientações de como prevenir a doença em casa e outros ambientes. Abraçamos a causa do Dia C desde a primeira edição como forma de contribuir com a população, isso me deixa muito realizado e feliz”, relata Generoso.

Continue lendo

CRIME

Em Feijó, mulher é morta com tiro na cabeça durante discussão com marido

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Crime ocorreu na quinta-feira (4) na zona rural de Feijó. Local é de difícil acesso e corpo de Elziane Moura Gomes chegou à cidade somente nesse sábado (6).

Capa: Polícia Civil investiga feminício na zona rural de Feijó — Foto: Reprodução/Google Street View.

A jovem Elziane Moura Gomes, de 27 anos, foi morta com um tiro na cabeça no seringal Novo Oriente, na zona rural de Feijó, no interior do Acre. O crime ocorreu na quinta-feira (4), mas a informação só chegou para a polícia no dia seguinte.

Conforme a polícia, o principal suspeito do crime é o marido de Elziane, Samuel Guimarães Brandão, que está foragido.

As informações apontam que o casal estava em uma discussão quando o homem pegou a arma, do tipo rifle, e atirou contra a mulher. Ela morreu no local antes de receber ajuda.

Assim que tomaram conhecimento do caso, policiais foram até o local, que é de difícil acesso e que para se chegar são cerca de cinco horas de viagem pelo rio. Por isso, o corpo de Elziane só chegou até a cidade de Feijó nesse sábado (7) para passar pelos exames cadavéricos. A polícia ainda fez buscas pelo suspeito, mas ele ainda não foi localizado.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil como sendo feminicídio. “Foram quatro policiais nossos buscar o corpo e fazer diligências mas, quando chegaram lá, o autor já havia se evadido. Sabemos que foi durante uma discussão que ele atirou nela”, disse o delegado Valdinei Soares, que comandas as investigações.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

Grupos de notícias