NOSSAS REDES

ACRE

Rio Branco amanhece encoberta por neblina nesta segunda (20) e especialista prevê verão amazônico mais úmido

PUBLICADO

em

Rio Branco amanheceu encoberta por uma densa neblina nesta segunda-feira (20). O fenômeno foi registrado em todas as regiões da capital acreana desde as primeiras horas.

De acordo com a Divisão de Meteorologia do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), a previsão para esta segunda era de um dia variando de parcialmente nublado a claro, com predomínio de sol em todo o estado e tempo estável. A temperatura mínima prevista para era de 21°C e máxima de 30ºC. No entanto, cedo da manhã, a temperatura marcava 17ºC.

Ao g1, a empresa Vinci Airports, que administra o aeroporto de Rio Branco, informou que, em função das condições meteorológicas adversas que formaram forte neblina no aeroporto da capital acreana, na madrugada dessa segunda (20), foi registrado o cancelamento do voo Gol 1799, que chegaria de Cruzeiro do Sul às 1h55 (horário local) e partiria com destino a Brasília às 2h40 (horário local).

Na Avenida Antônio da Rocha Viana, no bairro Wanderley Dantas, na parte alta de Rio Branco, assim como na Estrada da Floresta, a neblina encobriu rua, prédios, estabelecimentos comerciais e árvores. Além das ruas da capital, em Senador Guiomard, no interior do estado, o tempo também estava encoberto.

Fenômeno climático foi registrado em todas as regiões da capital desde as primeiras horas desta segunda — Foto: Iryá Rodrigues/g1

Fenômeno climático foi registrado em todas as regiões da capital desde as primeiras horas desta segunda — Foto: Iryá Rodrigues/g1

O pesquisador Alejandro Fonseca explica que o fenômeno climático acontece porque a manhã está fria e existe muita umidade no ambiente. Segundo ele, diferente de outros anos, as frentes frias que têm chegado no estado estão trazendo chuvas, o que significa que há muita umidade.

O especialista afirmou ainda que o mês de junho tem sido marcado por chuvas além do esperado e com isso, o inverno amazônico deve se comportar de uma maneira diferente, mais úmido.

“Para os próximos dias, nós esperávamos um verão amazônico extraordinariamente seco, mas não é assim que está se comportando. As frentes frias têm sido frequentes, vão continuar a ser frequentes, e possivelmente elas vão continuar a trazer chuvas. Junho é um mês de seca e não está se comportando assim. Isso tem sido algo surpreendente e ao mesmo tempo uma boa notícia. Até agora não tem se comportado como a gente esperava”, disse Fonseca.

Com informações de G1Acre

Junte-se a 42.974 outros assinantes

MAIS LIDAS