NOSSAS REDES

CRIME

Iniciado júri popular de acusados por homicídio de pedreiro em Xapuri

Gecom TJAC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Previsão é o julgamento terminar na noite de quinta-feira, 15.

O Tribunal do Júri da Comarca de Xapuri iniciou nesta quarta-feira, 14, no Fórum Raimundo Dias Figueiredo, o julgamento dos dez acusados pelo suposto homicídio do pedreiro Almir de Souza Moura e por tentativa de homicídio em desfavor a outra vítima. O crime ocorreu em setembro de 2017 em frente a uma casa de festas.

Estão previstas serem ouvidas 24 testemunhas, divididas entre defesa e acusação, e que o júri popular termine apenas na noite de quinta-feira, 15, após a assinatura da sentença pelo juiz titular da unidade judiciária, Luiz Pinto. Até o momento, três pessoas foram ouvidas.

O caso

O pedreiro Almir de Souza Moura foi morto a golpes de faca e pauladas por várias pessoas em via pública, em setembro de 2017. Outra vítima foi agredida, mas sobreviveu às agressões. O motivo, segundo consta nos autos, seria um suposto desentendimento entre a dupla e o grupo por conta de facções criminosas rivais.

Com a denúncia, o magistrado entendeu que estavam presentes os requisitos do art. 408 do CPP e pronunciou os réus ao julgamento pelo Conselho de Sentença da Unidade Judiciária.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat