NOSSAS REDES

ACRE

Jovem nega ser de facção e mesmo assim é alvejado a tiros e pode ficar paraplégico

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

carlos Eduardo da Silva, de 21 anos, foi ferido com dois tiros no início da tarde desta terça-feira, 22, dentro de uma residência localizada na Travessa Coelho, no bairro Recanto dos Buritis, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

Informações repassadas pela polícia afirmam que Carlos estava na casa de sua tia fazendo um serviço quando um suposto membro da facção invadiu a residência e perguntou se ele pertencia a alguma organização criminosa. Após responder que não era de nenhuma facção criminosa, o homem saiu da casa e após alguns minutos voltou com mais 2 faccionários.

Um dos suspeitos efetuou dois tiros que atingiram a vítima na região das costas. Mesmo ferido, Carlos ainda conseguiu correr até um bar, onde caiu pedindo ajuda.

Populares acionaram a ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e conduziram Carlos Eduardo ao Pronto-Socorro de Rio Branco.

Segundo o médico do SAMU, Pedro Pascoal, o estado de saúde do paciente é estável, porém Carlos sofreu uma lesão na coluna vertebral, região da cervical, e pode ficar paraplégico.

Policiais Militares estiveram no local, colheram as características dos criminosos e em seguida fizeram patrulhamento na região, mas ninguém foi preso. As investigações já foram iniciadas pelos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A Polícia acredita que o crime foi motivado pela guerra entre facções.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat