NOSSAS REDES

Plácido de Castro

Município de Plácido de Castro recebe a Exposição 5 Décadas da Justiça Acreana

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Projeto tem como objetivo resgatar a memória do Judiciário Estadual, com seus desafios e avanços.

Com o objetivo de destacar a história da Justiça Estadual, sobretudo no que diz respeito à defesa da democracia e garantia dos direitos dos cidadãos, a “Exposição 5 Décadas da Justiça Acreana” aportou, na manhã desta terça-feira, 8, na Comarca de Plácido de Castro. A solenidade de abertura, conduzida pela presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC), desembargadora Denise Bonfim, aconteceu no Fórum Desembargador José Lourenço Furtado Portugal.

Além da desembargadora-presidente, compuseram o dispositivo de honra, a diretora do Foro da Comarca, juíza de Direito Isabelle Sacramento, o juiz-auxiliar da Presidência do TJAC, Lois Arruda, o prefeito de Plácido de Castro, Gedeon Barros, o promotor de Justiça Rodrigo Fontoura, representante do Ministério Público Estadual na Comarca, e o procurador-geral do Município, Gleison Gomes.

Em seu pronunciamento, a presidente do TJAC enfatizou a importância da exposição itinerante, que, por meio de imagens e textos, leva ao interior do estado “os principais capítulos da história do Poder Judiciário Acreano”.

Na oportunidade, a desembargadora Denise Bonfim agradeceu às instituições parceiras (Ministério da Cultura – União, e Fundação de Cultura e Comunicação Elias Mansour – Estado) pela considerável contribuição para a viabilização da Exposição 5 Décadas da Justiça Acreana, bem como parabenizou a todos “que trabalham para a execução e êxito do projeto”, que, neste ano, já passou por Xapuri e Brasileia.

Para a juíza de Direito Isabelle Sacramento, receber a Exposição 5 Décadas da Justiça Acreana  na Comarca de Plácido de Castro é motivo de satisfação, pois é “uma oportunidade para a população do município conhecer o Tribunal de Justiça. Tenho orgulho de fazer parte desta instituição”, finalizou.

O prefeito Gedeon Barros, ao agradecer pela chegada do evento no município, asseverou que “a exposição propicia aos moradores de Plácidos de Castro conhecer os desafios e avanços da Justiça Estadual”. Ao final, parabenizou o Poder Judiciário Acreano pela iniciativa.

Após o ato de abertura da mostra, todos foram convidados a contemplar, por meio de painéis instalados no hall de entrada do Fórum, os registros que marcam a história do Poder Judiciário Estadual, a partir da instalação da Justiça no Território do Acre, no ano de 1963. Por Gecom/TJAC

Plácido de Castro

Cobra sucuri de quase 10 metros é capturada em açude do interior do Acre

Contilnet, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O animal estava em um açude de uma fazenda e foi capturado por vários homens.

Uma cobra sucuri de quase 10 metros foi encontrada na Zona Rural do município de Plácido de Castro na manhã desta terça-feira (2).

O animal estava em um açude de uma fazenda e foi capturado por vários homens que estavam no local.

As imagens mostram a cobra sendo levantada por uma máquina que realiza serviços pesados de drenagem.

CONFIRA AS IMAGENS: 

Continue lendo

CRIME

Homem é morto com tiro nas costas no interior do Acre

G1AC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), em Rio Branco, onde permanece e aguarda a família para fazer o reconhecimento. Corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal Reprodução Rede Amazônica Acre Um homem, identificado como Jenis de Lima Santana, foi morto com um tiro nas costas, na noite de segunda-feira (3), na rua Macauã, na Vila Campinas, em Plácido de Castro, interior do Acre. Santana ainda foi levado ao hospital da vila, mas não resistiu e morreu. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), em Rio Branco, onde permanece e aguarda a família para fazer o reconhecimento. De acordo com o comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar, major Cristian Moura, a PM foi chamada para atender a ocorrência após denúncia anônima através do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), por volta das 21h30. Sobre a motivação do crime, o major explica que é possível que tenha sido execução, já que as primeiras informações são de que os dois pertenciam a grupos criminosos. Além disso, ele informou que existe um suposto autor já identificado e as informações foram repassada à Polícia Civil que investiga o caso. “A informação que eu tenho é preliminar e que, provavelmente, tanto vítima quanto o autor dos disparos têm envolvimento com facção criminosa”, explicou o comandante.

Continue lendo

Super Promoções

WhatsApp chat