NOSSAS REDES

ACRE

No AC, mais de 25 projetos sustentáveis podem ser prejudicados por mudanças no Fundo Amazônia

Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Um decreto do governo federal pode alterar regras do Fundo Amazônia para permitir o uso do dinheiro para pagar indenizações por desapropriações de terras em áreas protegidas. Com a medida, 28 projetos sustentáveis de monitoramento e inovação podem ser comprometidos no Acre.

O valor que ultrapassa os R$ 3 bilhões foi doado pela Noruega e Alemanha para bancar os projetos desde 2008, e é administrado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Mas, agora, o governo federal quer usar o recurso para pagar indenizações a proprietários de terras e a pessoas que vivem em áreas protegidas.

Jocy Aguiar, membro do Comitê Orientador Fundo Amazônia, diz que esta é uma proposta totalmente descabida e fora de contexto.

“Como é que você quer proteger a floresta e usar um fundo que é para preservar e diminuir o desmatamento e vai dar para grileiros?”, questiona.

Além disso, Jocy diz que o decreto vai prejudicar o andamento do projeto e várias ações que são feitas para baixar o desmatamento na Amazônia.

Para o membro do Comitê, a medida não vai diminuir a ação dos grileiros nas áreas de preservação, mas vai contribuir para que outras pessoas se apossem das terras em busca de indenizações.

“A gente ainda não teve acesso a essa proposta, mas vamos nos manifestar. Nós somos contra essa proposta, entendemos que qualquer proposta de política pública tem que ser debatida com a sociedade e ela só pode dar certo se a sociedade participar”, complementou Jocy.

Outra ideia do governo é reduzir o número de pessoas da sociedade civil no comitê orientador do comitê.

Por Quésia Melo, Jornal do Acre 2ª Edição

Comentários

Comente aqui

ACRE

Programa de Educação de Trânsito faz sucesso entre alunos do ensino infantil; veja vídeo

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Veja o vídeo:

Atividades são resultado de uma parceria entre Prefeitura de Tarauacá e DETRAN/AC. As ações iniciaram na segunda-feira, 14, e se estenderão às demais escolas até encerramento no dia 25/10, com uma Oficina para Multiplicadores, destinada à professores e gestores das escolas públicas. 

Alunos dos três turnos, manhã, tarde e noite foram beneficiados com as ações do Programa. 

Nesta sexta-feira, 18, os Educadores de Trânsito da 1ª Ciretran de Cruzeiro do Sul, através da Coordenadoria de Educação de Trânsito, realizaram atividades na Escola Municipal José Augusto de Araújo. As ações foram voltadas à orientação, conscientização e educação de pedestres e ciclistas, mas também abordou conceitos gerais sobre o trânsito e suas regras. 

A equipe composta por José Jaisson Santos, Izaías Queiroz, Everton Oliveira, Bruno Thiago Ramos, Obede Pereira, Maria Vanda Martins, Mara Sandra Martins, Maria Celene Souza (Coordenadora da Educação de Trânsito) e Tainara Martins (Chefe da 1ª Ciretran) promoveram ações educativas nos períodos da manhã, tarde e noite.

A escola oferece o fundamental 1 (1º até 5º anos), e conta com 276 alunos no horário da manhã, 309 estudantes no período da tarde, e 54 alunos o ensino de EJA. Todos os alunos foram beneficiados com as atividades educativas. 

Os alunos do ensino infantil são ensinados de forma lúdica e dinâmica. Neste caso, as crianças aprendem as principais regras de trânsito através do teatro com personagens caracterizados e/ou fantoches, e teatro com personagens do trânsito. Na ocasião, foram ensinados os procedimentos corretos na via com simulação de mini rua, além de conceitos importantes sobre trânsito. 

Galeria de fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

No período noturno, os alunos do ensino de EJA também receberam orientações e conhecimentos sobre trânsito. A escola JAA conta atualmente com 54 alunos matriculados no ensino de EJA. 

Galeria de fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Continue lendo

ACRE

Prefeita Marilete antecipa R$11 mil reais aos servidores municipais através de cartão magnético

Assecom - Prefeitura de Tarauacá, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A Prefeitura de Tarauacá, através da Prefeita Marilete Vitorino, conveniada com a empresa Grandcard, beneficiou os servidores do município com um cartão de antecipação salarial. Mais de mil cartões foram disponibilizados aos servidores, os quais prometem melhorar a economia local. 

Neste mês de setembro/2019, a Prefeitura de Tarauacá antecipou o valor de R$11.455,37 aos servidores do município. Estes valores foram gastos pelos servidores beneficiados, que utilizam o cartão magnético, e com o qual fazem compras em comércios credenciados, inclusive em estabelecimentos fora do Acre, e mesmo pela internet. 

A intenção da medida, idealizada pela Prefeita Marilete Vitorino é dar um fôlego ao servidor municipal nos momentos de falta de dinheiro, e durante os 30 dias do mês. “Com o cartão convênio (antecipação salarial), o nosso servidor não pagará juros nem anuidades, porque o cartão convênio funciona como uma antecipação salarial a custo mínimo ao servidor, que pagará apenas R$10,00 (dez reais) mês, uma única vez, se utilizar o cartão. Esse convênio que celebramos traz um benefício de suma importância para o servidor e sua família, que terá à disposição uma possibilidade de pagamento, sem se comprometer com empréstimo bancário ou agiotagem. Importante dizer que o servidor deverá usar seu cartão com muita responsabilidade e comedimento de modo a evitar comprometer sua folha de pagamento”, destacou a Prefeita Marilete Vitorino. 

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp Fale conosco