NOSSAS REDES

ACRE

Por não pagar o caminhão do lixo, Prefeitura de Tarauacá é processada

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O dono do caminhão que faz a coleta de lixo no município pede a condenação da Prefeitura de Tarauacá em R$ 18.645,00 (dezoito mil, seiscentos e quarenta e cinco reais), por serviços prestados de coleta de lixo urbano, e não pagos pelo Município.

Entenda o caso:

A Reportagem do Acre.com.br apurou que, narra o processo nº. 0000713-02.2018.8.01.0014, que não tramita em segredo de justiça, tendo acesso liberado ao público em geral, podendo ser acessado por qualquer cidadão, através do site http://esaj.tjac.jus.br/cpopg/open.do, ou https://www.tjac.jus.br/ que durante o último ano da gestão do ex-prefeito, Sr. Rodrigo Damasceno Catão (PT), no ano de 2016, o dono do caminhão, Sr. E.B.S, trabalhou para a Prefeitura de Tarauacá, fazendo transporte do lixo e ficou sem receber 02 (dois) meses totalizando o valor de R$ 7.458,00.

O trabalhador disse ainda que no ano de 2017, na atual gestão, continuou trabalhando e também ficou 03 (três) meses atrasados sem receber o aluguel do caminhão de lixo, totalizando R$11.187,00.

E.B.S. disse que o valor do aluguel do caminhão era de R$ 3.729,00 líquido. Sentindo-se prejudicado e precisando pagar suas contas, foi à Justiça para a defesa de seus direitos.

A dívida atual da Prefeitura de Tarauacá é, afirma o Sr. E.B.S., no valor de R$ 18.645,00 (dezoito mil, seiscentos e quarenta e cinco reais).

A Excelentíssima Senhora Juíza Ana Paula Saboya Lima, determinou a realização de audiência de conciliação. O processo então aguarda audiência de conciliação prevista para o dia 11/05/2018, na Comarca de Tarauacá.
 .
A Prefeitura não foi condenada, nem sentenciada; estando o processo ainda em fase inicial e em andamento, onde terá direito à ampla defesa e ao contraditório.

Comentários

Comente aqui

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS VISUALIZADAS

WhatsApp chat