NOSSAS REDES

ACRE

Presidente da AMAC Prefeita Marilete Vitorino lidera encontro com Bancada Federal e prefeitos do Acre

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Foi realizada ontem na Sede da AMAC a reunião da Bancada Federal do Acre com a presença de 20 prefeitos e entidades, para definirem a destinação das emendas de bancada que serão investidas no Acre em 2019.

Nas redes sociais, o assunto foi divulgado e a Prefeita foi parabenizada.

 

A Presidente da AMAC também publicou Nota de Orientação aos Prefeitos do Acre, sobre o assunto. Veja:

https://i1.wp.com/static.wixstatic.com/media/056adc_1e3a4ed4221648c2a3685fd43d2c5448~mv2.jpg/v1/fill/w_632,h_895,al_c,q_85,usm_0.66_1.00_0.01/056adc_1e3a4ed4221648c2a3685fd43d2c5448~mv2.jpg?resize=620%2C879&ssl=1

Prefeitos se reúnem com bancada federal para debater destinação de emendas parlamentares

Os prefeitos de 20 dos 22 municípios acreanos se reuniram na tarde desta quinta-feira (18) com os parlamentares da bancada federal para debater a destinação de emendas e a questão de que a prefeitura que não estiver dentro dos limites estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal perderá as emendas destinas pelos membros da bancada federal em Brasília.

As prefeituras que não obedecerem o limite de 54% de gastos com pessoal previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal, poderão não receber os recursos de emendas parlamentares, o que poderá ocasionar demissões em todas as administrações municipais do Estado. As prefeituras deverão seguir à risca O que pede a LRF para ter condições de estabelecer convênios.

Quem não se adequar deverá sofrer penalidades impostas pelo Tribunal de Contas. O alerta foi feito por meio de uma nota de orientação emitida pela Associação dos Municípios do Acre (AMAC). Os 20 prefeitos tentam encontrar uma saída para enxugar a folha, além de definirem a destinação das emendas de bancada que serão investidas nos 22 municípios no próximo ano.

O governador eleito Gladson Cameli (Progressistas) e seu vice Major Rocha (PSDB) participaram da reunião na sede da Amac, juntamente com os parlamentares da atual legislatura e os que foram eleitos e assumem os cargos no próximo ano. Os gestores esperam que do encontro saia uma solução para a questão fiscal e recursos para amenizar a crise nas prefeituras. Por Ac24horas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

REDES SOCIAIS

Área do assinante

Receba publicações exclusivas.

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!
WhatsApp chat