NOSSAS REDES

ACRE

Atingidos pela alagação em Marechal Thaumaturgo serão amparados com R$ 607 mil

Assessoria, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Após solicitação ao Ministério do Desenvolvimento e Secretário Nacional de Defesa Civil, nessa terça-feira, 9, a deputada federal do Acre, Jessica Sales (MDB) e o senador Senador Sergio Petecão (PSD) conseguiram liberar R$ 607.903,20 para ações imediatistas ou emergenciais para atender os desabrigados pela alagação ocorrida no município este ano.
No prazo de até 72 horas, o valor empenhado deve estar liberado na conta da Prefeitura do município de Marechal Thaumaturgo.

Mais de 100 famílias foram atingidas pela forte alagação no início deste ano. Além destas, 22 famílias ficaram totalmente sem teto, sem estrutura e moradia, uma vez que perderam suas casas na enchente do rio Juruá. Sensibilizada com a situação, a deputada acreana buscou apoio no Ministério do Desenvolvimento, acompanhada do Senador.
Felizmente, a ida dos coordenadores da Bancada Federal ao Ministério do Desenvolvimento, resultou na liberação dos recursos de apoio às famílias atingidas pelas cheias em Marechal Thaumaturgo. “Eu e Sergio Petecão estivemos juntos nesta missão e hoje e celebramos o anúncio. O dinheiro irá custear algumas ações imediatas que produzam alívio ao sofrimento e mais dignidade para as famílias que foram atingidas pela cheia do Juruá naquele município”, disse Sales.
O recurso deve estar liberado na conta da Prefeitura até esta sexta-feira, dia 12, e será movimentada através do cartão social, utilizado para a construção de boxs de madeira para os atingidos, aquisição de cestas básicas, Kits de limpeza e de higiene pessoal, Kits idoso, Higiene Pessoal Infantil, água potável, refeições (café da manhã, almoço e jantar) redes, colchões, combustível e locação de veículos (caminhão, caminhonete, barco, batelão).

ACRE

Mesmo sem achar corpo, polícia indicia casal e menores por morte de jovem decapitado em vídeo no AC

G1AC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Mesmo sem achar o corpo de Raimundo Lacerda do Nascimento, a Polícia Civil do Acre indiciou um casal e dois menores pelo homicídio qualificado. O rapaz apareceu em um vídeo sendo decapitado no mês de maio em Rio Branco.

Os bombeiros do Acre fizeram buscas pelo corpo no Rio Acre, na capital acreana. Após 30 horas de atividades de mergulho, os bombeiros suspenderam os trabalhos de buscas, que continuaram através das investigações.

O inquérito foi concluído e remetido à Justiça no último dia 1º. Arlys Almeida e Adriana Silveira, presos ainda no mês de maio, e dois adolescentes, sendo que um segue foragido, foram indiciados por homicídio com várias qualificadoras, entre elas motivo torpe e fútil, meio cruel, entre outras.

Na época da prisão, Emerson Saraiva também foi levado suspeito de envolvimento no crime. Porém, ele não foi indiciado pela morte. A polícia não confirmou se Saraiva teve mesmo envolvimento no crime.

“O vídeo já confirma a execução e tem a questão dos bens dele, como celular, capacete, relógio, que foram encontrados com alguns participantes. Todo conjunto probatório leva a crer que houve a morte, embora não tenha sido localizado o corpo”, explicou o delegado Martin Hessel, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Corpo esquartejado

Martin acrescentou que o corpo de Nascimento pode ter sido esquartejado antes de ser jogado no rio, por isso a dificuldade para encontrar.

“Pelo o que vi, como eles fizeram é muito difícil encontrar. É tanto que os bombeiros fizeram todo perímetro do local, onde possivelmente tenha sido jogado, e nada. Não conseguiram encontrar nada, mesmo utilizando todas as técnicas”, reforçou.

Motivação

A divulgação do vídeo mobilizou as forças de Segurança em Rio Branco. As imagens do homem sendo degolado de forma brutal foram gravadas no Segundo Distrito de Rio Branco e acabaram viralizando.

Ainda segundo a polícia, as investigações apontam que os criminosos acreditavam que Raimundo do Nascimento pertencia a uma facção criminosa rival. Ele foi atraído, segundo as investigações, para o local do crime por Adriana Silveira.

“Atraíram ele através de conversas, se passaram por mulheres. A Adriana marcou um encontro com ele, se encontraram, seguraram a vítima e fizeram tudo que saiu no vídeo. Acharam que ele era membro de facção”, concluiu.

Continue lendo

ACRE

Trabalhador cai de caixa d’água em obra do Barriga Verde e vai parar no Pronto Socorro

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O trabalhador Manoel Martins Freire, de 45 anos, ficou gravemente ferido no final manhã desta quinta-feira (18) após cair de altura de aproximadamente 10 metros de uma construção de um prédio na Avenida Dias Martins, no bairro Jardim Primavera, em Rio Branco.

De acordo com informações repassadas ao ac24horas, Manoel estava prestando serviço numa construção da Empresa Barriga Verde, quando caiu da caixa d’ água. No impacto com o solo, o trabalhador desmaiou, sofreu uma fratura e teve hemorragia pelo ouvido.

A ambulância do Samu foi acionada, prestou os primeiros atendimentos a vítima e em seguida o conduziu ao Pronto Socorro de Rio Branco em estado de saúde grave.

De acordo com Médico do Samu, Pedro Pascoal, Manoel sofreu um traumatismo craniano e fratura na clavícula. Amigos e um responsável da empresa acompanharam o trabalhador até o hospital.

Continue lendo

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

WhatsApp OLÁ INTERNAUTA! : )