NOSSAS REDES

Manoel Urbano

Colono é morto a tiros de espingarda na estrada de Manoel Urbano

Senaonline.net, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O colono foi morto com a própria arma

O colono José Francisco Silva de Melo, 32 anos de idade, que morava no ramal Oriental, km 45 da estrada de Manoel Urbano, sentido Sena Madureira a Manoel Urbano, foi morto a tiros de espingarda na última quarta-feira.

A informação foi confirmada hoje tanto pela Polícia Civil como também pela Militar. O autor do crime já foi identificado, mas sua identidade está sendo preservada para não atrapalhar no andamento das investigações.

De acordo com relatos de uma testemunha, vítima e criminoso vinham discutindo há alguns dias por motivos banais. Na data do crime, a vítima chegou à casa dessa testemunha à cavalo, afirmando que iria matar o autor do crime, ainda chegou a efetuar um disparo. Em ato contínuo, os dois começaram uma luta corporal e o autor da morte tomou a espingarda de José Francisco. Significa que o colono foi morto com a própria arma.

Quando os policiais chegaram ao local, encontraram o corpo da vítima com tiro no rosto e nos braços.

O próprio delegado Marcos Frank foi ao local do crime para colher as informações e tentar prender o homicida, porém, isso não foi possível, pois o mesmo havia se evadido do lugar e provavelmente está embrenhado na mata. Mesmo assim, a Polícia está atenta e pede ajuda dos moradores para repassar as informações sobre seu paradeiro.

Por ser um local de difícil acesso, o corpo foi transportado em um quadriciclo até a margem do ramal e em seguida colocado em um carro para ser encaminhado ao IML de Rio Branco.

Sena Online

Advertisement
Comentários

Comente aqui

Manoel Urbano

Em Manoel Urbano, Bombeiros encontram corpo de bebê indígena de 11 meses que se afogou em rio

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Corpo foi achado a cerca de 50 minutos de navegação do local onde aconteceu afogamento. Bebê estava desaparecido desde a noite de quarta-feira (29) e foi encontrado na sexta (31).

Foto: Bombeiros encontram corpo de criança indígena de 11 meses em rio no interior do Acre — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros.

Após cerca de 38 horas, o Corpo de Bombeiros encontrou o corpo do bebê indígena, Rodrigo Kulina, de 11 meses, que estava desaparecido desde a noite de quarta-feira (29), no Rio Purus no município de Manoel Urbano, no interior do Acre. A criança foi achada na tarde desta sexta-feira (31).

A família do bebê dormia em uma embarcação que estava ancorada às margens do rio e, quando acordou, o menino tinha desaparecido, por volta das 23 horas.

Uma equipe de quatro mergulhadores iniciou as buscas pela criança indígena ao meio dia de quinta-feira (30). Segundo o major Cláudio Falcão, dos bombeiros, o corpo do bebê foi achado em um ponto distante do local do afogamento.

“Ele estava perto do Seringal Bela Vista. Para se ter uma ideia, isso dá aproximadamente 50 minutos de navegação em embarcação rápida. A gente não tem como precisar a distância em quilômetros, mas não é perto. O corpo dele reflutuou, ou seja, veio para a superfície e assim a equipe que fazia as buscas localizou”, disse o major.

O nível elevado do rio e a correnteza fizeram com que as buscas fossem ainda mais complicadas. Assim que o corpo foi achado, os bombeiros encaminharam para o hospital da cidade, para os exames cadavéricos e informaram à polícia.

Continue lendo

Manoel Urbano

Com segurança reforçada, Manoel Urbano tem festividade mais tranquila dos últimos anos

Redação do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

A Polícia Militar, por meio do 7º e 8° BPM reforçam policiamento nas festividades no município de Manoel Urbano.

Na ocasião, os militares neste sábado (31) e domingo (01) reforçam as festividades de Festival de praia e shows noturnos, evento que ocorre anualmente no município.

Os militares organizaram pontos base e rondas em todo o entorno do local de festa, priorizando locais vulneráveis e com aglomeração de pessoas.

No entanto, foram realizadas diversas abordagens policiais e a segurança externa do evento, a fim de garantir a tranquilidade e a paz de todos.

Ressaltar-se que não houve ocorrência durante o evento.

Assessoria do 8°BPM

Continue lendo

+30 mil seguidores

TOP MAIS LIDAS

Grupos de notícias